Marcos Mion desabafa sobre positivados com Covid não seguirem isolamento

Marcos Mion
Marcos Mion levantou questão no Twitter (Imagem: Divulgação / Globo)

Vendo o novo surto de Covid-19, Marcos Mion chamou a atenção para uma atitude que muitos contaminados parecem estar tomando.

No Twitter, o apresentador falou sobre as pessoas que testam positivo, e mesmo assim saem de casa e deixam de cumprir o necessário isolamento social para que a doença não seja transmitida para outros.

Eu tô maluco ou tem muita gente positivada de Corona vivendo normal por aí???!! Ignorando a quarentena e, possivelmente, contaminando muita gente? É isso mesmo??!?”, escreveu o global.

Veja Também

Nos comentários, os seguidores contaram histórias confirmando a tese de Marcos Mion. “É isso mesmo!!! Conheço uma criatura positivada que aproveitou que tá de atestado e foi pro Nordeste tomar um sol, pegou avião e tudo!”, disse uma usuária da rede social.

“Exatamente! Hoje cheguei no trabalho e tinha um colega sem máscara, com sintomas gripais, batendo papo, dizendo que o ‘irresponsável do seu irmão’ festejou no final de semana e estava com covid. Ele saiu do escritório, por insistência dos colegas, e foi fazer um teste. Adivinha: positivo!“, contou um internauta.

“Infelizmente Mion é a realidade que estamos vivendo. Por isso as pessoas devem se cuidar. Usar máscara, álcool gel e evitar aglomerações”, frisou uma terceira.

Marcos Mion abre o coração em entrevista

Em recente conversa com o jornal Extra, o famoso se derreteu ao falar de Stefano, seu filho, de 11 anos, que está dando os primeiros passos no mundo da música.

“Eu já sei que ele é um talento desde que nasceu, praticamente. Desde muito pequeno, Tefo sempre cantou no tom. Todo mundo canta, mas quando a pessoa realmente tem o dom, é diferente. Eu sempre fui muito preocupado com a criação musical dos meus três filhos. Eu apresentava pra eles gente do naipe de Stevie Wonder, Michael Jackson…”, contou.

Lembro de um dia em que Tefo estava no cadeirão dentro no carro, com um iPad nas mãos, assistindo a um clipe do ‘mágico Michael Jackson’. Eu chamava ele assim porque nos clipes ele virava pantera, flutuava… E as crianças ficavam loucas!”, recordou o apresentador, que contou a situação que viveu:

“Mas aí, eu dirigindo, de repente ouvi a vozinha do Tefo cantando junto aqueles falsetes do Michael Jackson no tom certo, igualzinho. Ele tinha uns 3, 4 aninhos só. Pensei: ‘Caramba! Isso não é normal’. Desde então, fiquei ligado”.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Carol Bittencourt
Brasileira vivendo em Portugal, Caroline Bittencourt é jornalista, pós-graduada em Comunicação e Design Digital. Atua como redatora e produtora de conteúdo para as redes sociais. Colabora com o RD1 desde 2018. Ama viajar, seja chegando em um novo destino ou em frente à TV assistindo uma boa série.
Veja mais ›