Marcos Pasquim celebra retorno de minissérie e abre o coração sobre nova fase na carreira

Marcos Pasquim
Marcos Pasquim celebra retorno de minissérie e abre o coração sobre nova fase na carreira (Imagem: Divulgação / Globo)

Um dos galãs veteranos da televisão, Marcos Pasquim está chegando aos 30 anos de carreira. Para celebrar esse momento, o ator foi surpreendido com o retorno da minissérie O Quinto dos Infernos (2002).

A produção está de volta no Globoplay vinte anos depois de sua exibição original. Em entrevista ao jornal O Globo, o artista afirmou que esse foi um trabalhos mais difíceis que teve em sua carreira.

“Foi um marco na minha trajetória. A gente fazia uma sátira à História do Brasil. Foi um dos personagens mais difíceis. Aprendi muita coisa sobre o Dom Pedro I (seu personagem) que não tive conhecimento na escola”, pontuou.

Logo depois, Marcos citou que ficou muito marcado por trabalhos que apareceu mostrando o corpo. Entre eles, estão as novelas Kubanacan (2003) e Uga Uga (2000), que tiraram o fôlego do público que as acompanhou.

“Não tenho nenhum problema em estar sem camisa em cena, mas não partia de mim. Era o autor que escrevia. Adoraria poder me transformar fisicamente por um personagem”, pontuou.

Marcos Pasquim revela que não vê problema em ser chamado para fazer um galã

Recentemente, o famoso gravou a série Luz, da Netflix, que deve estrear em 2024. Além disso, tem o filme Morando Com o Crush, que deve ser lançado no final do ano.

Os dois projetos são focados no público infanto-juvenil, que Pasquim afirma gostar de trabalhar.

“Gosto de fazer personagens diferentes e no universo da garotada. Foi ótimo. Tenho conseguido versatilidade e ainda espero poder fazer Ricardo III, mas não precisa ser necessariamente de William Shakespeare”, concluiu.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Henrique CarlosHenrique Carlos
Apaixonado por televisão e cinema, desde 2009 trabalha com internet. Já passou por grandes veículos de comunicação e teve experiência no rádio. Atualmente estuda para continuar crescendo na área e pode ser acompanhado através do perfil @henriquethe2 no Twitter.