Ministro de Lula perde a paciência e dá voadora em âncora da CNN: “É ridículo”

CNN
Ministro de Lula, Flávio Dino concede entrevista ao vivo à CNN (Imagem: Reprodução / CNN Brasil)

Ministro da Justiça, Flávio Dino não guardou as palavras diante de uma pergunta inesperada de Raquel Landim. Ao vivo na CNN Brasil, o político ficou irritado com a suposição do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), ter inventado o ataque contra sua família no aeroporto de Roma.

Tudo começou quando Landim levou em consideração a narrativa dos advogados do casal Roberto Mantovani Filho e Andréia Munarão, de que não houve agressão. Moraes relatou à Polícia Federal que foi alvo de xingamentos e que seu filho foi agredido fisicamente.

A apresentadora da CNN, que foi alvo de uma saída chocante, alertou que “nada justifica a agressão e hostilidade verbal principalmente contra ministros do STF”, mas salientou a justificativa dada pela defesa do casal. Na sequência, a jornalista perguntou se os vídeos do aeroporto comprovariam a fala de Moraes.

Dino acompanhou a fala de Landim atentamente e, quando tomou a palavra, não poupou críticas. “Você como uma jornalista experiente com certeza não cogita que um ministro do STF iria inventar uma narrativa desse tipo”, declarou.

Flávio Dino dá sermão em âncora da CNN

O entrevistado apontou uma incompreensão sobre como uma prova é validada de forma técnica, mas garantiu que não existe a ideia de uma palavra contra a outra, pois é necessário um enfoque no contexto e plausibilidade da história.

O ministro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi além e cogitou o absurdo e o ridículo que seria Alexandre de Moraes estar com sua família caminhando no aeroporto, vê uma família qualquer e resolve agredi-los.

Confira:

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].