Monique Evans aponta preconceito em fila para votar e explica o que aconteceu

Monique Evans
Monique Evans aponta preconceito na hora de votar (Imagem: Reprodução / Instagram)

Monique Evans passou por uma situação tensa neste último domingo (2) ao participar do primeiro turno das eleições 2022. Apesar de ter evitado longas filas por ter preferência, a famosa se sentiu julgada por pessoas ao redor dela.

Aos 66 anos, a ex-apresentadora e mãe de Bárbara Evans contou que “olharam esquisito” para ela enquanto estava esperando a sua vez de poder votar. Isso aconteceu pelo fato dela poder passar na frente.

Monique ressaltou que é “uma senhorinha”, mas que as pessoas possam ter achado que não. Um seguidor brincou ao dizer que Monique possui a aparência jovem e está “com tudo em cima”.

Apesar da situação curiosa, a artista usou os Stories do Instagram para dizer que estava feliz por ter conseguido exercer a sua participação nas eleições, definindo a ocasião como muito importante.

Nas eleições presidenciáveis, Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL) competem ao segundo turno. A votação decisiva para a escolha do próximo presidente do Brasil ocorre em 30 de outubro.

Monique Evans se declara para a namorada

Monique Evans fez uma declaração para a namorada, a DJ Cacá Werneck, após completar 8 anos de relacionamento com a moça. Por meio das redes sociais, as duas apareceram juntas em um registro abraçadas.

Através da legenda, a mãe de Bárbara Evans destacou a alegria em poder viver um romance de alguns anos ao lado da ex-participante da Fazenda de Verão, na Record.

No ano passado, a artista contou que estava perdida e sem acreditar no amor antes conhecer Cacá. Para ela, algo de corpo e alma a completou quando a DJ surgiu em sua vida.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Renan FerreiraRenan Ferreira
Renan Ferreira, 21 anos, é estudante de Jornalismo e repórter do RD1. Também já escreveu para outros sites sobre entretenimento e pode ser encontrado nas redes sociais no @eurenanferreira.