Isabela Tibcherani e Rafael Miguel
Isabela Tibcherani falou sobre o pai (Imagem: Reprodução / Instagram)

Após a morte do ator Rafael Henrique Miguel e de seus pais no último domingo (9), o comerciante Paulo Cupertino da Silva, pai da namorada do artista, Isabela Tibcherani, continua sendo procurado pela polícia pela morte da família.

Em entrevista à Record, a jovem de 18 anos falou um pouco sobre o comportamento do pai: “Meu pai sempre foi misógino, nunca gostou de mulher, sempre impediu minha mãe de viver. Presenciei muitas coisas ruins desde pequena”. “Eu sempre soube da pessoa que ele era, da índole, do jeito ruim dele, de impedir a felicidade alheia. Ele tem essa coisa de querer ter posse da vida das pessoas”, afirmou.

Antes do triplo homicídio, o comerciante já havia sido indiciado desde a década de 90 por roubo, formação de quadrilha, lesão corporal e ameaça.

Mesmo sabendo do jeito do pai, Tibcherani não imaginou que o pior pudesse acontecer. “O máximo que eu achei que poderia acontecer seria uma luta física, que eles pudessem brigar“.

Na entrevista, a jovem também contou que o comerciante a proibia de ver Rafael, e que os dois já tinham alguns meses sem se ver. “Ele não deixava eu sair de casa. As pessoas falavam: ‘Você é maior de idade, sai, você não deve satisfação a ele (seu pai)’, Mas só eu sabia do que ele é capaz“, disse.

Como não podiam se encontrar, eles mantinham contato por aplicativo de celular, e decidiram marcar de se ver no sábado (8) em uma festa junina na Zona Sul de São Paulo. “Nessa noite da festa junina ela (mãe) estava lá para ver se meu pai não apareceria, para deixar a gente curtir um tempo junto. Mas ela preferia não passar por cima da palavra dele (pai) com medo do que ele podia fazer comigo, com ela“, contou a menina, que foi acompanhada da mãe para o encontro.

No domingo (9), a garota contou que chamou Rafael para ir em uma praça perto de sua casa, pois, segunda ela, estava se sentindo “perdida, perturbada”.

Após se encontrarem na praça, os pais do ator, João Alcisio Miguel e Miriam Selma Miguel, foram buscar o filho e deram uma carona para Isabela até sua casa. Ao chegarem, os 4 viram o comerciante saindo com a arma na mão. “Eles (os pais de Rafael) nem chegaram a se aproximar, a fazer contato. A única coisa que eles pediram foi ‘vamos conversar’, mas a partir dai não teve conversa“, concluiu.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!