Narcisa Tamborindeguy fala sobre drogas em live e acaba pedindo um Rivotril

Narcisa Tamborindeguy volta a causar em suas lives (Imagem: Reprodução / Instagram)

A socialite Narcisa Tamborindeguy voltou a repercutir nas redes sociais por conta das suas atitudes imprevisíveis. Em uma live recente, ela chegou a pedir um Rivotril.

Na ocasião, ela estava conversando com a atriz Maria Ribeiro e as duas acabaram falando sobre liberação das drogas. “Sou super a favor da liberação da maconha”, disse a atriz.

Narcisa, então, concordou com ela e disparou: “Eu também. Por que não liberou logo isso? Já liberou no Canadá, na Califórnia…”. Maria, então, tentou explicar a situação:

“O que acontece é o seguinte: no Brasil, só quem vai para cadeia é pobre, preto, que mora em favela… Os ricos fumam maconha e não acontece nada. É um absurdo. A gente tem um sistema prisional absolutamente abarrotado”.

“Tem uma coisa política: por que o álcool é liberado? E o álcool mata. E o Rivotril é o segundo remédio mais consumido no Brasil”, prosseguiu a atriz, quando, de repente, Narcisa disparou:.

“Eu amo Rivotril. Sou a primeira do Rivotril. Eu amo. Cadê as minhas gotas?”.

Recentemente, em entrevista ao Notícias da TV, a socialite revelou que tem aproveitado da fama na web para ganhar um dinheiro a mais.

Ai, que curiosidade! Sempre dá para ganhar um extra. Mas o melhor pagamento é saber que as pessoas me querem para divulgar seu negócio não por eu ser um personagem, mas, sim, por ser eu mesma e amada pelo público”, revelou, relembrando a live hilária que fez com Maitê Proença e acabou lhe rendendo novos memes na internet:

“Há anos somos vizinhas no mesmo prédio e nos tornamos mães na mesma época, nossas filhas Maria e Catharina cresceram juntas. Por isso que insistia para ela contar histórias sobre minha filha Catharina, que sempre ia para a casa dela”.

Narcisa confessou que, apesar do saldo ser positivo, precisou aprender a lidar com comentários negativos.

Recebo isso com naturalidade, pois sou muito espontânea. Esse é o meu jeito, não sou fingida. Às vezes, fico apreensiva quando distorcem minhas falas. Sei que, infelizmente, tem muita gente maldosa no mundo. Noto esse tipo de movimentação quando as pessoas me param na rua para tirar fotos comigo soltando algum bordão ou escrevendo esse bordão nos comentários das minhas lives e postagens“, disse, completando:

“Muitos [internautas] fazem hashtag com minhas falas e até dublagens no TikTok. Alguns são bem desagradáveis e até agressivos. Mas eu prefiro focar nos positivos, pois sinto que a parte que gosta de mim é infinitamente maior do que a que me critica ou xinga”.

Confira:

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›