Neymar
Em meio à má fase, Neymar foi à igreja evangélica com a família (Imagem: Reprodução / Instagram)

Em meio a má-fase tanto na vida pessoal quanto na profissional, após enfrentar uma acusação de agressão e estupro da modelo Najila Trindade, o jogador Neymar assistiu ao culto da igreja Peniel, em São Vicente, São Paulo, na noite da última quinta-feira (4).

De acordo com a coluna de Fábia Oliveira, do jornal “O Dia”, o atacante chegou junto com a família e o encontro foi marcado por muita emoção; a irmã do craque, Rafaella Santos, chegou a chorar.

Ainda segundo a publicação, o atleta costuma fazer orações com o seu pastor e mentor religioso Newton Lobato através de conversas no WhatsApp, além de realizar anualmente encontros casuais com o líder religioso e pagar o dízimo todos os anos.

O fotógrafo Sena, que estava presente no culto, registrou o momento em que o jogador e sua família marcaram presença na igreja, compartilhando as fotos no Instagram. “Hoje tive o prazer de fotografar esse cara na Peniel sede, que é um ícone do futebol mundial. Que Deus abençoe sua família“, desejou ele. 

No vídeo, Neymar pede orações ao pastor para ele e sua família, que juntos costumavam frequentar a congregação desde quando o craque tinha cerca de oito anos. “Vou pedir a vocês orações. Temos aqui uma família muito especial, que foi criada aqui na igreja. Foram trazidos para a igreja bem pequeninos. Esse menino tinha 8 anos, era arteiro toda vida, aprontava, me jogou uma dia na piscina, não esqueci mais, não. Rafaella também orava tanto, Nadine também…“, disse o pastor.

O próprio Neymar compartilhou, neste sábado (6), um clique na sede da igreja. De cabeça baixa, apoiada em uma das mãos, ele escreveu: “Abaixar a cabeça? Só se for pra orar“. A imagem em questão já recebeu mais de 1 milhão de curtidas.

Confira:

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!