No Pânico, Mario Sergio Cortella fala do fim da Humanidade

Mário Sergio Cortella
Mario Sergio Cortella esteve no Pânico da Jovem Pan (Imagem: Reprodução / Jovem Pan)

O programa Pânico, da rádio Jovem Pan, recebeu nesta terça-feira (04) Mario Sergio Cortella, um conhecido filósofo, escritor, educador, palestrante e professor universitário brasileiro.

Mario Sergio, grande estudioso do comportamento humano, foi objetivo ao contar que a humanidade segue a caminho da extinção. Questionado pela turma do Emílio Surita, ele contou que a facilitação da tecnologia tira a vitalidade do homem.

“Temos como exemplo famílias inteiras que saem de casa para comer comida caseira. Isso é uma forma de demência”, disse.

“Hoje, se termina a energia elétrica, em um apagão, por exemplo, na cidade de São Paulo, ficamos incapazes de fazer 90% das coisas. A gente não come, não se movimenta, não se comunica… portanto, estamos ficando reféns e isso é perigoso”, concluiu Cortella.

Palestrante dos mais prestigiados do país, Mario Sergio Cortella foi seminarista de um mosteiro que ocupava toda a fazenda que hoje sedia o SBT.


Tiago Mind é um famoso e icônico crítico e profissional de TV. Mantém sua identidade oculta para preservar fontes.

*Suas opiniões não refletem, necessariamente, a posição do RD1.

WordPress Lightbox