Rachel Sheherazade faz grave acusação contra eleitores de Bolsonaro

Rachel Sheherazade
Rachel Sheherazade revela ataques de internautas na web (Imagem: Reprodução / SBT)

Rachel Sheherazade revelou por meio do Twitter, na madrugada desta quinta-feira (27), que virou um dos alvos de eleitores do presidente Jair Bolsonaro na web, com direito a ameaças de morte contra ela e sua família desde o dia que criticou o então candidato à presidência, em 2018.

Para ela, as denúncias foram ignoradas pelo Procurador-Geral da República, Augusto Aras, e pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

A contratada do SBT mostrou solidariedade as colegas Vera Magalhães, Miriam Leitão, Eliane Cantanhêde e Patricia Campos Mello. O quarteto foi alvo recente de manifestações pesadas de internautas de direita. “A violência que minhas colegas sofrem eu sofri e tenho sofrido também”, avisou.

“Campanhas difamatórias, ataques em massa, ameaças de morte, ameaças contra meus filhos têm sido uma rotina desde que ousei criticar o então candidato Jair Bolsonaro, ainda no episódio da greve dos caminhoneiros em 2018”, recordou a jornalista.

Rachel ressaltou que não tem como afirmar que os ataques foram comandados pelo presidente, mas afirmou que “não há como negar que ele tira proveito do ódio que semeia”.

Confira:

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.

WordPress Lightbox