Record foi o canal que mais perdeu audiência em setembro

Da Redação

02/10/2019

Record

Jornal da Record não ajudou o canal a subir na média mensal (Imagem: Reprodução / Record)

Mesmo com a reta final do Dancing Brasil, a liderança do Balanço Geral e as estreias do novo Jornal da Record, de A Fazenda 2019 e do Canta Comigo, de Gugu Liberato, a Record foi a que mais perdeu audiência entre as grandes do país em setembro. Globo, SBT e até a Band cresceram na comparação com o mesmo período do ano passado.

A Globo manteve-se sozinha na liderança da média 24 horas. Na Grande São Paulo, o canal assegurou 13,6 pontos. Muito atrás veio o SBT, com 6,3 de média. A Record apareceu em terceiro com 5,0 pontos. Cada ponto representa 73 mil domicílios.

O número representa mais um ponto negativo para a emissora de Edir Macedo, que busca retomar a posição de vice-líder no país e em São Paulo, região mais cobiçada pelo mercado publicitário.

A emissora de Silvio Santos está na vice-liderança pelo 30º mês consecutivo. A Record perdeu o cobiçado lugar em abril de 2017. Na época, o feito foi bastante comemorado pelo SBT.

Na comparação com setembro de 2018, o canal paulista foi o único que perdeu audiência: caiu de 5,4 para 5,0. A Globo subiu de 12,7 para 13,6. O SBT manteve os mesmos 6,3 pontos. A Band, que luta para encontrar uma programação fixa, foi de 1,6 para 1,7.

Expulsão de Phellipe Haagensen impulsiona audiência de A Fazenda 2019

A Record demorou, mas acabou expulsando Phellipe Haagensen de A Fazenda 2019. O agora ex-peão causou polêmica ao beijar Hariany Almeida sem o consentimento dela, durante uma discussão. A audiência, de acordo com dados aferidos em São Paulo e no Rio de Janeiro, reagiu ao caso, o que levou a acréscimo nos índices do reality apresentado por Marcos Mion.

No ar das 23h14 à 0h04, A Fazenda marcou 9,2 pontos, 11 de pico e 18% de participação no número de televisores ligados – recorde de share da temporada – na Grande São Paulo. O resultado é 33% superior ao registrado pelo programa no domingo passado (22).

Já no Rio de Janeiro, A Fazenda 2019 atingiu sua melhor audiência e também o maior share: 8,2 pontos, 10 de pico e 15% de participação no número de televisores ligados.

Todo o imbróglio envolvendo Phellipe Haagensen se deu a partir da festa realizada na madrugada sexta-feira (27) para sábado (28). Ele discutiu com Diego Grossi depois que este subiu na cama de Andréa Nóbrega por conta de uma brincadeira. Hariany acabou entrando na confusão, questionando Phellipe sobre comentários dele acerca da vida sexual de Tati Dias fora do confinamento. Foi quando ele a beijou na boca.

Hariany o denunciou à produção, que se manifestou através de Marcos Mion na edição de domingo, excepcionalmente ao vivo. “Beijo roubado, forçado, encoxada ou mão boba, dentre outros, são considerados crime contra a dignidade sexual. Pela regra do programa, é proibida qualquer atitude que coloque em risco a integridade física dos participantes”, disse Mion, antes de comunicar a saída de Phellipe.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Da Redação
Escrito por

Da Redação

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.