Regina Duarte é hostilizada e sai de teatro aos gritos de “Fora Bolsonaro”

Regina Duarte
Regina Duarte foi vaiada em teatro e surpreendeu com reação (Imagem: Reprodução / Globo)

Fiel apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (PL), Regina Duarte acabou saindo de teatro, em São Paulo, vaiada, neste sábado (29). A situação ocorreu por causa do posicionamento político da atriz.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram a famosa sendo alvo de vaias e gritos de “fora, Bolsonaro”. A veterana, que chegou a ocupar a secretaria da Cultura no atual governo, não se intimidou e até provocou os presidentes.

Nas imagens, é possível ver o momento em que Regina Duarte apareceu levantando o celular e mostrando a sua capinha, que tem a foto de Bolsonaro e o número da chapa dele, 22.

A ex-Globo também sorriu e fez poses no local. No teatro, ela esteve para assistir ao musical Clube da Esquina – Os Sonhos Não Envelheceram, que narra a história do Clube da Esquina.

Cabe lembrar que a veterana deixou o governo federal em 20 de maio de 2020, mas só foi oficialmente desligada do cargo em 10 de junho de 2020.

Regina Duarte ignora vaias e fala de peça

Em seu perfil do Instagram, um dia antes do segundo turno, a famosa escreveu sobre o musical que foi prestigiar. Ela afirmou que foi um privilégio assistir à peça que conta a vida do Milton Nascimento,.

Regina também aproveitou para fazer elogios ao elenco e à produção, que conta com direção de Dennis Carvalho. Cabe destacar que, no espetáculo, Tiago Barbosa, que viveu Simba na montagem brasileira de O Rei Leão, interpreta o grande músico da MPB.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É editor-chefe e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]