Repórter xingada por Bolsonaro revela a verdade sobre demissão do SBT

SBT
Driele Veiga dá detalhes inéditos de saída do SBT (Imagem: Reprodução / Instagram)

Demitida da TV Aratu, afiliada do SBT na Bahia, Driele Veiga quebrou o silêncio e revelou o motivo de sua saída. A jornalista revelou que foi à sede da da Record em Salvador para ouvir uma proposta. No entanto, ela garantiu que não foi antiética.

Conhecida nacionalmente após ter sido chamada de “idiota” pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), durante reportagem, ela foi chamada pela Record para ouvir uma proposta. A ideia era usar suas matérias de apelo popular no Balanço Geral.

A informação da ida de Driele Veiga à emissora baiana vazou em grupos de jornalismo. Em entrevista ao Notícias da TV, ela admitiu a entrevista de emprego, mas disse que não desrespeitou sua antiga empregadora.

“Não foi boato, não, foi verdade. Estive na emissora para um bate-papo com a direção de Jornalismo da Record. Mas que babado, viu? Nem bem tinha saído da reunião e meu celular já estava com milhares de mensagens curiosas. Como souberam? Deus é quem sabe! (risos)”, brincou.

Ela completou: “As pessoas especulam muito e, às vezes, nem sempre é para o bem. Até hoje me perguntam porque eu não fiquei na Record. Agora todo mundo vai saber (risos). O que tenho a dizer é que quem me conhece sabe minha índole e minha relação com as empresas por onde passei. Sempre fui muito comprometida, honesta e cuidadosa. Não traí ninguém”.

Ex-repórter do SBT fala sobre rumores de polêmica após treta com Bolsonaro

Driele também negou que já estivesse na mira da TV Aratu/SBT para ser dispensada desde a questão com Jair Bolsonaro.

“Eu acredito que não tem nada a ver. A TV Aratu/SBT contratou Driele Veiga, uma jornalista e não uma publicitária. Eu era remunerada para fazer jornalismo imparcial. Já deixei alguns políticos em saia-justa como Rui Costa, atual governador da Bahia, ACM Neto, ex-prefeito de Salvador”, ressaltou.

Ela está aberta para novos trabalhos, mas, enquanto não aparece, aceita trabalhos de freelancer, como na cobertura de um evento de São João na cidade de Amargosa, no interior da Bahia.

“Eu amo reportagem. Do fundo do meu coração, eu amo fazer. Gosto de gente, do povo lindo de meu Deus! Na TV Aratu/SBT, eu apresentei quase todos os programas, mas sempre substituindo grandes nomes. Também, amo desafios! Escorpiana, né? Toparia demais apresentar um programa. Gosto muito do estilo do programa popular em TV. Uma forma de dar voz ao povo”, declarou.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Da RedaçãoDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.