Resgate a cavalo faz GloboNews ter audiência histórica e índice 442% acima de rival

Paulo Carvalho

Revisado por: Luiz Fábio Almeida

11/05/2024

GloboNews
GloboNews mostra o salvamento do cavalo Caramelo de telhado em município do Rio Grande do Sul (Imagem: Reprodução / GloboNews)

A primeira semana da cobertura das chuvas no Rio Grande do Sul movimentou a GloboNews como nunca antes na temporada 2024. Mais de 6,8 milhões passaram pelo canal de notícias da Globo, que não deu chance para a concorrência com sua programação ao vivo.

De 2 a 8 de maio, a GloboNews ficou em primeiro lugar entre os canais de notícias e registrou uma audiência 394% acima do segundo colocado no total de indivíduos na TV paga e 41% maior em relação ao período de quatro semanas atrás.

Entre os maiores destaques, o resgate do cavalo Caramelo, que prendeu o público na emissora. Durante a transmissão da retirada do animal de cima de um telhado no município de Canoas, na quinta-feira (9), entre 11h05 e 12h26, o canal liderou a audiência entre todos os canais.

Os números de audiência alcançados foram impressionantes: 442% acima do segundo colocado entre os canais de notícias e 205% maior em relação às quatro semanas anteriores no horário.

GloboNews mobilizou equipes e até helicóptero para o resgate de Caramelo

Ao longo de mais de uma hora, o público de casa teve todos os detalhes do resgate revelados pela equipe do canal de notícias da Globo, que mobilizou ao menos uma equipe em terra e um helicóptero, que exibiu o passo a passo do trabalho do Corpo de Bombeiros de São Paulo.

Depois que o cavalo foi colocado no bote, o helicóptero acompanhou por 40 minutos o trabalho das autoridades. O percurso feito pelos agentes também deu uma boa dimensão dos estragos causados pelas chuvas na região.

Os dados são consolidados pelo Ibope.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo Carvalho
Escrito por

Paulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].