Jezabel
Sidônio conta à Joana os planos de Jezabel em sacrificar uma criança (Imagem: Divulgação/ Record)

Segunda-feira, 10 de junho

Sidônio conta à Joana os planos de Jezabel em sacrificar uma criança e que por isso precisam descobrir onde Micaías a escondeu. Joana percebe que Sidônio quer usá-lo e permanece calada. Na prisão, Micaías tem um pesadelo e Noan desperta assustado. No sonho, Micaías diz que caminhava pelas ruas cobertas de ossos decorrente da fome. Barzilai conversa com Levi e diz que precisam esconder Maya em outro lugar mais seguro. Hannibal alimenta os soldados e ordena que voltem a procurar por Chaya.

Temima muito triste, abatida para o sepultamento de Baltazar. Jezabel entra imponente na sala do trono e todos fazem reverência a ela. Ela diz a todos que a partir de agora a vida no palácio mudará. Obadias pergunta em que pode lhe servir e ela ordena que troque todas as vestes dos servos israelitas por vestes fenícias. Tadeu e Hannah consolam Temima na volta do sepultamento do marido. Joana fica feliz com a notícia de que vão mudar as vestes dos servos, mas Obadias a repreende. Barzilai conversa com Obadias sobre esconder Chaya no palácio. Jezabel manda chamar Nabote e Tadeu até o palácio. Nabote pede à Jezabel que liberte seus amigos Micaías e Noam. Jezabel diz que pode atender o pedido com a condição de que Tadeu fique no palácio.

Terça-feira, 11 de junho

Nabote pergunta a Jezabel porque quer que Tadeu fique no palácio e ela responde que quer que ele ensine a produzir vinhos maravilhosos. Tadeu aceita ficar no palácio. Obadias e Barzilai ficam chocados quando Nabote diz a eles que Tadeu ficará no palácio em troca de Micaías e Noam.

Jezabel não deixa Acabe sair do quarto e o seduz incansavelmente. Acabe quer ir para a sala do trono e ela não deixa ele levantar da cama, seduzindo, beijando e abraçando-o. Nabote visita Hannah e Temina na casa de Baltazar e diz que Jezabel suspendeu as buscas e o sacrifício de Chaya e a libertação de Micaías e Noam, mas em troca exigiu que Tadeu ficasse hospedado no palácio e elas se chocam. Jezabel deitada sobre o peito de Acabe diz que tem um pedido a fazer. Acabe desconfia e pergunta do que se trata. Jezabel pede autorização para derrubar os altares do Deus de Israel. Acabe fica preocupado com o pedido e diz que isso provocaria a ira do povo. Jezabel justifica que Samaria precisa ser unificada e não ter mais divisões representadas pelos altares.

Quarta-feira, 12 de junho

Hannah visita Tadeu no palácio e passa mal. Tadeu a segura. Hannah diz que só vai embora com o marido, caso contrário ela não sai do palácio. Jezabel chega. Hannah discute com Jezabel. Yarin faz um novo curativo na mão de Noam que teve os dedos decepados. A ferida está infeccionada. Emanuel oferece vender sua loja para um homem rico. Levi diz a ele que vai se encarregar dessa despesa. Emanuel diz que não tem mais condições de manter os negócios e a família passa fome, além de não ter dinheiro para pagar um médico para Noam. Levi oferece suas moedas de quando trabalhava em Judá. Levi diz a Emanuel que vai buscar um médico para cuidar de Noam.

Temima e Obadias tentam consolar Hannah que está inconformada e chora. Queila prepara comida e Elias brinca com Baruch. Queila derrama azeite da botija em uma panela e se admira por não acabar. Queila diz a Elias que não para de se surpreender com a abundancia do azeite e da farinha que nunca acaba. Queila aproveita e pergunta para Elias porque ele não pede ao seu Deus que acabe com a seca, pois o povo está morrendo em Samaria. Elias responde que o povo só reconhece a Deus quando está sofrendo. Jezabel sentada na sala do trono manda chamar Phineas. Acabe ainda no leito. Jezabel diz a Phineas que quer redecorar o palácio com estatuetas de Baal e Aserá. Phineas fica maravilhado. Aisha invade o quarto de Acabe que está dormindo e o acorda. Aisha diz a Acabe que Tadeu está preso no palácio e que foi Jezabel quem obrigou a ficar hospedado com o intuito de seduzi-lo.

Quinta-feira, 13 de junho

Acabe diz à Aisha que o que ela disse é muito grave. Aisha diz que é tudo o que se ouve nos corredores, que Jezabel quer Tadeu em seu leito. Acabe fica extremamente contrariado. Jezabel entra no aposento e fulmina Aisha com o olhar. Acabe pede para que Aisha se retire para falar com Jezabel. Acabe com ciúme. Os dois discutem por causa de Tadeu. No harém, Jezabel adentra como um furacão e vai em direção à Aisha.

As duas batem boca e Jezabel diz que não irá revidar o que ela fez, tentando coloca-la contra o rei. Jezabel visita os aposentos de Tadeu e intima-o para fazer a refeição da noite com ela. Ela se aproxima de Tadeu, cheira seu pescoço, o cobiçando. Acabe e Jezabel jantam, mas ela apenas belisca algumas uvas e diz que quando terminar, irá fazer alguns rituais rotineiros e pede para ele não espera-la. Obadias diz a Tadeu que a refeição será servida e Tadeu diz que não irá. Obadias aconselha Tadeu a não afrontar a rainha. No outro dia, Jezabel chama Tadeu na sala do trono e pede que ele ensine Isaac a arte de fazer um bom vinho. Depois de alguns dias, Acabe diz à Jezabel que foram os sete dias mais prazerosos que já teve com sua rainha. Jezabel diz que o sétimo dia ainda não acabou e que tem uma surpresa para o rei à noite. Jezabel chama os generais Barzilai e Hannibal e dá ordem para destruírem todos os altares do Senhor em Samaria.

Sexta-feira, 14 de junho

Barzilai contesta Jezabel sobre a destruição dos altares e diz que Acabe não permitiria tamanha atrocidade. Jezabel sorri, mas logo fica séria e diz que o rei está ciente. Tadeu agradece a Isaac e diz que fez um bom trabalho na preparação do vinho. Hannibal dá orientação aos soldados de como proceder para destruir os altares. Barzilai fica arrasado. Jezabel elogia o vinho produzido por Tadeu, que retribui a Isaac o elogio. Queila está preocupada com Baruch que está fraquinho.

Acabe vai até a sala do trono e vê tudo modificado. Saulo diz que organizou as novas vestes reais conforme determinação da rainha. Acabe olha furioso para o ambiente modificado. Acabe manda chamar Jezabel e Saulo diz que ela não está. Zedequias bebe vinho ao lado do rei Acabe e diz que as mudanças no palácio foram ousadas. Acabe nomeia Zedequias como seu conselheiro pessoal. Jezabel organiza uma apresentação de dança no templo de Baal e encanta Acabe com seus movimentos. A música cessa com as sacerdotisas todas aos pés de Jezabel que se sobressai, poderosa. Jezabel diz que um novo tempo começa em Israel. Um tempo em que somente Baal e Aserá reinarão.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!