Scheila Carvalho não dá presentes caros à filha e revela o verdadeiro motivo

Scheila Carvalho ao lado da filha (Imagem: Reprodução / Instagram)

Scheila Carvalho é mãe de Giulia, de 10 anos, fruto do relacionamento com Tony Salles, mas engana-se que a pré-adolescente tem uma vida “fácil” por ser filha do casal de famosos.

Em entrevista à Quem, a mãe falou que impõe limites e disparou: “Busco ser amiga ao máximo, conversar. Com minha mãe, não tive esse diálogo, sabe? Era na base do ‘não pode, pronto e acabou’”.

Sobre a situação financeira durante a pandemia, ela desabafou: “Tony estava com uma agenda louca, a gente mal se via. Com a pandemia, ele ficou em casa, interagiu mais com a gente”.

E com relação à educação da filha, contratou uma professora particular, mas opta por deixá-la com os pés no chão: “Não dou coisa cara. A amiga ganhou um iPhone e ela: ‘ai, eu não tenho’. Vai continuar não tendo”.

“Eu sou assim. Quando você estudar, trabalhar, juntar seu dinheiro, beleza. Tudo o que a gente ganha fácil, a gente não dá o devido valor”, disparou, referindo-se à fase da pequena como “aborrecência”.

“Na minha época, digamos, era uma disciplina mais militar, rígida. Na época da adolescência, eu conversava mais com as minhas amigas do que com a minha mãe, porque não sentia a abertura”, declarou.

“Tive muito carinho na minha educação, mas conversas de assuntos mais íntimos, não. É isso que procuro ter com a Giullia. Ela fará 11 anos em junho. Gosto de estar de olho, orientar…”, explicou.

“Nesses dias, eu a vi acessando conteúdos que eu não queria que ela acessasse e expliquei o porquê”, revelou. Com relação à vaidade, admite: “Ela vê o pai se arrumando, a mãe se pintando… Nós somos a inspiração dela”.

“Ela é supervaidosa, quer arrumar o cabelo, deixar a unha crescer… Menina, na minha idade eu não era assim, não. Mas acredito em dosar para deixar tudo na medida”, disse ainda.

“Quando ela era pequenininha, sempre que voltava de viagem trazia um presente para ela. Mãe de primeira viagem… Acabava fazendo isso para suprir a ausência. A maternidade vem sem manual”, relatou.

“Teve uma vez em que cheguei em casa e ela já estendeu a mão, falando: ‘cadê meu presente?’. Foi a partir dali que mudei. Falei que eu traria presente quando desse”, confessou.

“O mais importante era que eu tinha voltado e não o presente que traria a cada volta. Eu sou assim. [Digo que] quando você estudar, trabalhar, juntar seu dinheiro, beleza. Tudo o que a gente ganha fácil, a gente não dá o devido valor”, assegurou.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›