Sertanejo Edson revela que teve “mais de 75%” do pulmão comprometido

Edso
Sertanejo Edson desabafou sobre estado de saúde (Imagem: Reprodução/ Record)

O cantor Edson, da dupla com Hudson, abriu o jogo sobre a sua recuperação após 12 dias internado por causa da covid-19, sendo cinco deles em uma UTI. Em conversa com o Domingo Espetacular, da Record, ele disse que chegou a ter “mais de 75%” do pulmão comprometido

“Quando eu estava na UTI, pude passar pelo ‘vale da morte’ e enxergar minha vida acabando. Mas sempre com esperança e fé de voltar. Tinha muita gente orando por mim. No último exame que fiz, deu mais de 75% do pulmão comprometido. Apesar de ter ficado feia a situação, o antibiótico fez efeito e a desintoxicação foi rápida”, declarou o famoso.

O sertanejo ainda disse que pensava na possibilidade de não voltar a cantar ou ver os seus familiares. Ele destacou que pensou que morreria ao ser transferido para a UTI.

“Perdi uns 10 kg durante toda a internação. No primeiro dia que cheguei na UTI, confesso que quase morri. Minha pressão chegou a 8 por 5. Achei que tinha chegado o meu momento”, comentou o famoso.

Edson garantiu que percebeu os primeiros sintomas da covid-19 antes da realização do teste que detectaram a doença. “Eu estava há alguns dias com uma febre que não passava, muita dor no corpo e dor de cabeça. Quando recebi a confirmação de que era covid-19, fiquei super assustado. Parece que você está recebendo uma sentença de quase morte”, desabafou.

“Eu perdi totalmente a voz, não conseguia falar. O fôlego não vinha. Ficava pensando como eu ia fazer para cantar, se ia perder o maior dom que Deus me deu. Mas Deus falava dentro do meu coração que eu não iria perder nada, só ganhar”, disparou ele.

O cantor teve alta hospitalar na última segunda-feira (15) de hospital em São Paulo. O famoso estava internado para tratar uma pneumonia decorrente da Covid-19.

Ao deixar a unidade hospitalar, o sertanejo posou para fotos ao lado da esposa, Deia Cypri, e da equipe médica coordenada por Ludhmila Hajjar, que rejeitou o convite para assumir o Ministério da Saúde nesse semana.

“Agradeço a Deus! Agradeço à Dra. Ludhmila e equipe por me salvarem. Obrigado a cada um pelas orações e carinho. Agora inicio uma etapa da minha vida”, declarou Edson, em comunicado enviado à imprensa, na época.

Fábio AlmeidaFábio Almeida
Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email luizfabio@rd1audiencia.com
Veja mais ›