Tempo fecha entre Lilia Cabral e Marina Ruy Barbosa nos bastidores da Globo

Lilia Cabral
Lilia Cabral e Marina Ruy Barbosa discutiram nos bastidores de “O Sétimo Guardião” (Imagem: Reprodução / Instagram)

O clima azedou entre as protagonistas de “O Sétimo Guardião”, Marina Ruy Barbosa e Lilia Cabral, por causa de um atraso da ruiva para chegar nos Estúdios Globo.

Tudo começou por causa da gravação da cena de inauguração do restaurante de Tobias (Roberto Berindelli). A sequência estava prevista para durar até a madrugada. Flávia Alessandra precisava ser liberada até meia-noite e alguns atores foram convocados para chegar mais cedo.

Quinze atores concordaram em antecipar o horário da gravação, menos Marina, que chegou mais tarde que todos do elenco, por volta das 23h30, e fez muitos ficarem esperando de bobeira.

Lilia foi uma dos que tomaram um chá de cadeira. Ao ver Ruy Barbosa se aproximar do estúdio, a vilã da novela de Aguinaldo Silva não se conteve e esbravejou: “Você está pensando que é quem? Você é muito nova para achar que pode fazer isso. Garota mimada!”. Marina ouviu calada as reclamações de Cabral e só respondeu que teve uma consulta médica. A informação é do jornal Extra.

Os atrasos dos atores na novela das 21h se tornaram frequentes e insustentáveis. Na última quinta-feira (17), houve uma discussão das grandes no camarim. Os profissionais que lá estavam explodiram com tamanha falta de comprometimento de atores centrais da trama, segundo Patricia Kogut, do jornal O Globo.

Após semanas correndo atrás do prejuízo, a equipe de “O Sétimo Guardião” conseguiu uma boa frente de capítulos, mesmo com gravações externas, que demanda mais tempo para gravar. Os roteiristas têm quebrado a cabeça para encaixar todo mundo.

Lilia Cabral se recusa a fazer cena de “O Sétimo Guardião”; Globo se manifesta

Intérprete da vilã Valentina em “O Sétimo Guardião”Lila Cabral teria se recusado a fazer um merchandising em uma das cenas da novela, exibida pela Globo na faixa das 21h.

De acordo com a coluna de Leo Dias, a atriz teria que segurar uma calcinha da marca Hope. Porém, a global se negou a fazê-lo, uma vez que o cachê da publicidade é pago somente à emissora.

Com a recusa da artista, sobrou para Milhem Cortaz, o delegado Joubert Machado, fazer a publicidade em outra cena do folhetim que foi ao ar nesta quarta-feira (5).

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com