Vera Fischer desabafa ao lembrar de internação em clínica de reabilitação e assédio

Vera Fischer
Vera Fischer desabafa ao lembrar de passagem pela reabilitação (Imagem: Reprodução / Instagram)

Vera Fischer, atriz de 70 anos, lembrou da época em que precisou buscar ajuda médica para lidar com o vício em drogas. A famosa, que atuou em diversas tramas de sucesso da Globo, desabafou sobre a fase difícil que passou em entrevista no Conversa Com Bial, na madrugada do último sábado (21).

Bial perguntou se Vera lembrava da entrevista que ele fez com ela, enquanto estava internada em uma clínica de reabilitação. Vera disse que sim, além de recordar detalhes da época.

A atriz revelou que entrou para o tratamento por vontade própria. Além disso, Vera contou que aprendeu com pessoas que estavam passando pela mesma situação que ela:

“Ali entrei por vontade própria, porque estava determinada a ouvir aquelas pessoas. Eram pessoas muito inteligentes. Cada um tinha uma história de drogadição diferente. Aprendo sempre muito com as pessoas e suas histórias.”

Durante a conversa com Bial, Fischer também falou sobre as dificuldades que enfrentou ao lado da filha, Rafaela. A situação aconteceu por conta da falta de privacidade que a atriz tinha diante da imprensa:

“Tive momentos muito explosivos na vida, quando a imprensa invadia minha vida desesperadamente, a vida da minha filha. Ela se mudou para os Estados Unidos porque queriam comparar ela comigo, e comparavam. Ela engordava e emagrecia. Era um sofrimento atroz para ela, e para mim.”

Vera Fischer desabafa sobre assédio moral na Globo

Na entrevista para Bial, a atriz também falou sobre o assédio moral que sofreu de um diretor. “Tinha gente me cantando, eu dava umas desculpas que eu não posso falar agora porque são ‘disgusting’, mas eu me safava. Aprendi a me safar rapidinho”, comentou Vera.

De acordo com a veterana, quem mais gritou com ela no set de filmagens foi Walter Avancini (1935-2001), responsável pelo seu segundo trabalho na Globo, Sinal de Alerta (1978):

“Ele dizia assim: ‘Chora, sua loira burra, sua loira alemã que não sente nada, que não sabe chorar’. Eu falava então: ‘Venha aqui me ensinar como é que faz, qual é o botão que liga'”.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›