Whindersson Nunes abre o jogo sobre a pausa na carreira e questão familiar importante

Whindersson Nunes
Whindersson Nunes abre o jogo sobre a pausa na carreira e questão familiar importante (Imagem: Reprodução / Instagram)

Como sabido, Whindersson Nunes deu uma grande desaceleração na carreira no humor, seja presencialmente ou nas redes sociais. Numa espécie de retomada, em show no Japão, o comediante refletiu sobre essa fase e abriu o coração sobre uma questão familiar impactante.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Nos Stories do Instagram, o também youtuber explicou que quer levar o “Isso Não é Um Culto” para mais lugares possíveis, antes da estreia numa plataforma de streaming, afim de que as piadas não percam a “validade”.

Whindersson deixou claro, aos risos, que não vai se aposentar por agora: “Não quer dizer que amanhã eu não vou trabalhar mais. Eu tenho responsabilidades, cara. Poxa, tenho uma folha salarial imensa. Tenho muita gente que trabalha para mim, umas 40 pessoas. Então é muita coisa pra cuidar”.

publicidade

Veja Também

Eu fico com uma parada de querer passar alguma coisa, e eu preciso buscar em mim. Porque a gente quer resolver as nossas próprias coisas e, quem sabe, ajudar uma pessoa que esteja passando pela mesma parada”, continuou o famoso, refletindo sobre a pausa num ótimo momento profissional.

Temas familiares contribuíram para desaceleração de Whindersson Nunes

A perda do filho com Maria Lina, com dois dias de vida, foi para ele um grande trauma: “Uma dor que eu poderia querer curar de alguém seria a de perder um filho; mas eu não consegui curar a minha ainda, tá ligado? Então eu penso que preciso de um tempo, sim, para ajeitar a cabeça”.

Falando sobre a internet, Nunes lembrou que sofreu ameaças de morte: “Já li tanta besteira. E não tô falando de agora, não. Desde o comecinho a galera comentava: ‘Eu vou te matar’. Eu não sabia o que era isso, ficava aterrorizado”.

Falavam que minha mãe era burra, que nós éramos todos analfabetos… E eu fui lidando com isso sozinho. Desde sempre, só o que eu fiz, foi fazer de conta que nada está acontecendo. Porque eu estava focado em trabalho. Só que o meu foco hoje não é mais esse”, seguiu Whindersson, contando que até sua família foi afetada.

publicidade

Por isso, o artista decidiu respeitar o seu tempo para lidar melhor com tudo isso: “Agora é como se eu estivesse dizendo para mim mesmo: ‘Cara, é a hora de parar de fingir que você não é afetado pelas coisas, porque você é. E acho que você precisa se cuidar, porque você está tendo pensamentos que não são legais’”.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTQIA+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.