William Bonner tem encontro com ex-atriz mirim e faz brincadeira inusitada

William Bonner
William Bonner encontrou ex-atriz mirim nos bastidores da Globo (Imagem: Reprodução / Globo)

Passeando pelos corredores da Globo, William Bonner teve um encontro inesperado com a nova repórter do “Mais Você”, a ex-atriz mirim Duda Little, com direito a uma conversa despretensiosa e bem-humorada.

Em sua rede social, Duda, que agora assina Esteves, deu detalhes da conversa que teve com o âncora do “Jornal Nacional”. “Aí ele me encontra e diz: ‘Você não deveria ter crescido nunca!'”, contou a loira no Instagram.

Em seguida, a ex-atriz respondeu o veterano. “Respondi na hora: ‘Mas eu não cresci! Olha o tamanho do salto!'”, declarou. Fã declarada de William Bonner, a novata pediu até uma selfie com o galã.

Agora chamada de Duda Esteves, a famosa estreou na segunda-feira (19) como repórter na emissora. Em sua primeira participação em frente às câmeras, acabou responsável por uma matéria alegre no Cadeg (Centro de Abastecimento da Guanabara), na Zona Norte do Rio.

Duda Esteves não foi a única promovida para o programa de Ana Maria Braga. Cauê Fabiano, conhecido pelo “G1 em 1 Minuto”, foi escolhido pela equipe do matinal para ser um dos novos repórteres.

Após ser comparado a Bolsonaro, Lula confronta William Bonner e a Globo

William Bonner deu o que falar após comparar Bolsonaro a Lula, durante o “Jornal Nacional” da última segunda-feira (19), e o ex-presidente fez questão de se manifestar em seu direito de resposta sobre o assunto.

Na ocasião, o jornalista disse que os dois presidentes adotaram posturas semelhantes com relação às queimadas no Brasil: “Os dois presidentes afirmaram a Europa destruiu todas as suas florestas e que por isso não tem moral para dar conselhos sobre a Amazônia“.

Em nota, o opositor de Bolsonaro discordou e escreveu: “Exigimos que o Jornal Nacional informe seus telespectadores que o Fundo Amazônia foi criado no governo Lula, e as diferenças nas políticas ambientais dos dois governos”.

“A Globo esqueceu de mencionar que nos governos petistas houve redução do ritmo do desmatamento na Amazônia Legal, especialmente entre 2004 e 2012, período em que a tendência de redução foi mais acentuada, chegando a 86%”, disse.

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.