Xand Avião exclui hit de sucesso com DJ Ivis de plataformas digitais

Xand Avião
Xand Avião tinha a parceria com DJ Ivis na música Não Pode se Apaixonar (Imagem: Reprodução / YouTube)

O cantor Xand Avião tomou uma atitude radical contra DJ Ivis. O músico deletou das plataformas digitais o hit que dividia com o produtor musical, preso após agredir a mulher Pamella Holanda.

A canção Não Pode se Apaixonar já não pode mais ser vista nos aplicativos de música, nem no canal do YouTube. Além disso, Xand demitiu Ivis do seu escritório de agenciamento, o Vybbe, e, segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, o cantor também se disponibilizou a ajudar Pamella de 27 anos e Mel, filha do casal, de apenas 9 meses.

Em nota, a assessoria do cantor explicou: “Após retornar de viagem, o casal Xand e Isabele Temoteo tomou conhecimento dos fatos. Isa imediatamente mandou mensagem para Pamella e tentou contato algumas vezes sem sucesso”.

Em seguida, Xand acionou o departamento jurídico da empresa para tomar providências e, publicamente, colocou sua equipe à disposição da vítima para auxiliar no que fosse necessário. A equipe também tentou contato algumas vezes e enviou mensagem para Pamella e sua advogada prestando toda solidariedade”, completou.

A MC Danny, que também divide o hit com os dois, chegou a ser ameaçada nas redes sociais. Inúmeros internautas começaram a cobrar posicionamento da funkeira, mandando mensagens como a seguinte: “Ele devia ter espancado você”. A cantora publicou parte dessas mensagens em alguns prints nos Stories do Instagram.

Eu não tenho nada a ver, eu já me posicionei, não sou a favor dele, por favor parem com isso, estou recebendo ameaças. Gente, eu não tenho nada a ver, também quero ele preso. Por favor, vocês estão acabando comigo”, desabafou Danny, também incluindo alguns emojis de choro.

Pouco tempo depois, a MC falou mais sobre o que estava sentindo e agradeceu o apoio de seus fãs: “O mundo é cruel, o amor das pessoas se esfriou”. Ainda mais tarde, a famosa avisou que vai lançar uma nova versão da música autoral Não Pode Se Apaixonar — depois da oficial ter sido excluída das plataformas digitais — e até convocou produtores e DJs em seu perfil.

A Som Livre, adquirida pela Sony em Abril, informou em comunicado ao UOL que “suspendeu todos os lançamentos das faixas que tinham participação do DJ Ivis, autor da agressão” e que “estão sendo bloqueadas das plataformas de áudio e de vídeo as músicas já lançadas, agindo em parceria e de acordo com as normas de cada empresa envolvida”.

O Spotify e a Deezer, principais serviços de streaming pagos de música, também decidiram tirar todas as músicas com Ivis de suas playlists editoriais. O músico, inclusive, era um dos produtores de maior sucesso do pop brasileiro atual e tinha várias músicas com destaque em playlists nas plataformas.

No Spotify, por exemplo, ele tinha: Paredão Explode, com 1.106.821 seguidores, Top Brasil (5.804.985), Meu País Nordeste (198.226) e Pisadinha e Piseiro (241.394). A informação foi confirmada pelo G1.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›