Acionistas pressionam Netflix após resultados abaixo do esperado

Netflix
Netflix apresenta números abaixo do esperado e acionistas ligam sinal vermelho (Imagem: Divulgação / Netflix)

A pandemia resultou em um forte crescimento da Netflix, porém, a gigante do streaming começou a sentir a crise no mercado financeiro e seus novos dados não são nada animadores.

Em entrevista ao Notícias da TV, o estrategista da Avenue Securities, Guilherme Zanin, falou acerca do balanço do segundo trimestre da empresa.

Os investidores estão olhando, principalmente, para os filmes e séries que a Netflix pretende lançar em 2022. Eles já estão pedindo para que a empresa abra mais esses nomes, mas ela ainda não fez isso. [Essa pressão] É para o mercado entender de onde vai vir esse crescimento, quais serão os produtos que vão chamar mais atenção“, explicou.

No documento apresentado na última terça-feira (20), a companhia fez suspense acerca do anúncio de suas próximas produções. Entre as previsões de lançamento estão as novas temporadas de La Casa de Papel e Sex Education, e os filmes A Barraca do Beijo 3 e Justiça em Família, estrelado por Jason Momoa. Mas, até aí, nenhuma novidade, já que ambos já tinham sido divulgados antes.

A Netflix foi uma das empresas beneficiadas com o cenário pandêmico, porém elas acabam perdendo espaço com a reabertura da economia. Neste balanço, a empresa teve o pior crescimento em número de usuários por trimestre desde 2018, o que mostra uma desaceleração no número de pessoas que usam a plataforma, em nível global“, pontuou.

Ele ressaltou ainda que, apesar de a Netflix seguir na liderança entre os serviços de streaming, há uma estagnação preocupante nos números e também no valor da assinatura. Os números, segundo o estudo, estão acima de concorrentes como Disney+ e Amazon, mas os rivais estão se aproximando rapidamente.

Por exemplo, enquanto eles crescem acima de dois dígitos, a Netflix cresceu apenas 1,3% neste trimestre. Desta forma, o bolso dos acionistas começa a sentir a crise.

O lucro por ação foi de apenas US$ 2,97 no trimestre, e o esperado era de US$ 3,16. Ou seja, a empresa está conseguindo crescer a receita, mas os custos de reabertura da economia e da produção de novos produtos voltam a impactar os números“, comentou o economista.

A expectativa é que a companhia obtenha números melhores nos próximos meses com a chegada de conteúdo voltado para os gamers. A promessa é que os jogos sejam inclusos no catálogo sem aumento do preço da assinatura.

O mercado de games é bem intenso em capital, porém é inegável que a Netflix tem acesso a recursos e, se eles querem entrar, vão entrar com força. A empresa contratou um executivo de realidade aumentada [Greg Peters, ex-Facebook], será que vão vender Netflix junto com um óculos 3D? Não sabemos ainda de nada!”, provocou.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›