Alexandre Frota ironiza possível censura a programas do Discovery e MTV

Alexandre Frota
Alexandre Frota ironizou possível censura de Bolsonaro a programas da TV paga (Imagem: Reprodução/Instagram)

Depois da polêmica envolvendo a proibição da exibição do especial de Natal do Porta dos Fundos, no Netflix, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB) recorreu ao Twitter para fazer um alerta irônico quanto a possíveis censuras que possam ocorrer no Brasil.

Nesta sexta-feira (10), o famoso publicou uma montagem de fotos do reality show De Férias com o Ex, da MTV, e do de sobrevivência estrangeiro Largados e Pelados, da Discovery Channel, para ilustrar a crítica.

“Não sei como o Bolsonaro ainda não se meteu para censurar e tirar do ar De Férias com a Ex e Largados e Pelados. Dois bons programas com público para os dois. Só tá faltando isso”, disparou ele, aproveitando para criticar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A alfinetada, no entanto, não agradou muita gente. “Ridículo, o Bolsonaro não tem nada a ver com a ação da Igreja Católica com Porta dos Fundos, babaca”, escreveu uma seguidora.

“Deixa de ser ridículo, fruta!”, disparou outro internauta. “Programação que descreve muito bem esse ser de filme pornô, que siga seu exemplo o filho querido desse deputado ridículo!”, alfinetou mais uma.

Alexandre Frota zomba de Bolsonaro e chama presidente de palhaço

Ex-defensor e atual crítico do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o deputado federal por São Paulo, Alexandre Frota (PSDB), voltou a criticar o chefe do Executivo no Twitter. Desta vez, o parlamentar chegou a chamá-lo de palhaço ao comentar uma reportagem.

A ironia foi feita por Frota na manhã desta terça-feira (7), ao compartilhar a coluna de Eliane Cantanhêde, do Estadão. “Essa guerra não é nossa. O Brasil não tem nada a ganhar, só a perder, se entrar nela”, disse a jornalista sobre o conflito entre Estados Unidos e Irã.

Ainda no tuíte, uma foto do presidente ao lado do Ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, foi o pontapé para a crítica de Frota. “O Patati e o Patatá na crise do Irã”, escreveu, comparando-os com a dupla de palhaços infantis, que chegou a ter o perfil marcado.

João Amaro acompanha o mundo da TV e Famosos, assiduamente, desde 2008. É jornalista formado, tem experiência no jornalismo digital, passagens por vários veículos de comunicação, mas se achou no RD1. No Twitter, ele é @_joaoamaro.

WordPress Lightbox