Aline Riscado anuncia decisão importante sobre Carnaval de 2022 e dá justificativa

Aline Riscado
Aline Riscado abre o jogo sobre Carnaval de 2022 e afasta rumores (Imagem: Reprodução / Instagram) 

Ao longo da semana, surgiram rumores de Aline Riscado poderia substituir Viviane Araújo como rainha da bateria do Salgueiro. Após negar os boatos, a musa destacou que nem estará na avenida em 2022, pois passou por uma cirurgia recente no joelho, que a impedirá de participar da festa.

“Rompi meus ligamentos do joelho há quatro meses, fiz uma cirurgia, não estou nem podendo sambar e nem correr ainda. A princípio, nem desfilar em nenhum carro, em nenhuma escola, eu vou poder. Eu não estou pensando em Carnaval. Com certeza, até lá eu vou poder sambar, mas não posso fazer nada pela metade, e um cargo de rainha é muita responsabilidade. Quando aceitei o convite da Vila eu me dediquei desde o dia do convite, fiz seis meses de aulas de samba, fui aos ensaios e se não for para ser assim, pretendo nem fazer”, disse em entrevista ao programa Holofote, da FM O Dia, apresentado por Dedé Galvão e Leo Dias.

Sobre o caso envolvendo Viviane Araújo, Riscado já havia alegado que tudo não passava de uma fake news.

“Nunca ninguém me chamou para o Salgueiro, muito menos eu aceitaria entrar em um cargo tão importante com alguém pagando por isso. Tudo que faço é com amor, dedicação e por merecimento! Nunca passei por cima de nada para conquistar minhas coisas e isso que inventam, de patrocinadores pagarem para eu estar em algum lugar, é uma acusação completamente absurda! Tudo meu foi conquistado com trabalho bem feito e tenho muito orgulho disso”, frisou.

Na ocasião, Regina Celi, ex-presidente do Salgueiro, que foi apontada como a responsável pelo interesse na mudança das musas, desmentiu o bato e afirmou que tudo não passava de politicagem pela presidência da escola

Quero esclarecer que não dei nenhuma entrevista e jamais falaria isso, e que estou preparada para enfrentar esse jogo sujo político. Vivi tem uma história linda na nossa agremiação e sempre caminhamos juntas. O Salgueiro precisa de gestão para fazer carnavais competitivos! Nossa comunidade quer ganhar carnavais e eu, como apaixonada por nossa agremiação, me sinto na obrigação de fazer parte disso tudo”, frisou.

E seguiu dizendo: “Não se ganha eleição com mentiras, não se ganha eleição plantando fake news, não se ganha eleição iludindo os salgueirense! Ganha-se eleição com trabalho, carisma, amor a escola e principalmente fazendo carnavais vencedores”.

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›