Alvo de investigação, Felipe Prior é acusado de assédio sexual e reage

Felipe Prior
Felipe Prior negou as acusações de assédio e deu sua versão da história (Imagem: Reprodução / Globo)

Além de já estar sendo investigado por casos de estupro no passado, Felipe Prior acaba de ser acusado de assediar uma mulher no Laguna Beach Club, uma festa, em Brasília (DF), neste domingo(20).

Segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, na ocasião, ex-BBB teria passado a mão na bunda da jovem, que prontamente mandou ele parar. Na sequência, Prior teria xingado a vítima.

De acordo com testemunhas que estavam no local, a moça ainda foi agredida por um amigo do ex-participante do BBB 20.

Procurado pela publicação, Felipe Prior negou as acusações e afirmou que não cometeu assédio contra ninguém na festa. “Nunca fiz isso. Jamais passaria a mão em qualquer menina. Tenho até testemunhas que viram tudo”, garantiu.

O arquiteto ainda contou que estava indo na delegacia. “Estou registrando queixa, pois ela me chamou de estuprador”, contou.

Segundo o colunista, a vítima preferiu não falar sobre o assunto e explicou que irá esperar pela investigação do caso.

Cabe ressaltar que desde outubro o ex-brother é réu por acusação de estupro. Na época, três mulheres prestaram queixa contra ele por estupro em 2014, 2016 e uma tentativa em 2018.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›