Amigos criam vaquinha para evitar despejo da Xuxa do Sinal

Xuxa do Sinal
Xuxa do Sinal passa por dificuldades financeiras por causa da pandemia (Imagem: Reprodução / Instagram)

A crise provocada pela pandemia do novo coronavírus atingiu em cheio o artista Ivy Moura, de 31 anos, conhecido por interpretar a Xuxa do Sinal ou Xoxa Manegay, personagem que ficou famosa nas ruas de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Ele, que ganhava a vida trajando botas e dançando ao som das músicas de sua musa inspiradora, Xuxa Meneghel, se viu sem poder trabalhar, o que gerou graves problemas financeiros.

Segundo informações do jornal Extra, o aluguel da casa em que Ivy mora, na Gardênia Azul, em Jacarepaguá, na Zona Oeste, está em atraso há cinco meses e isso pode acabar com o despejo do artistas. Por isso, alguns amigos criaram uma vaquinha virtual com o objetivo de ajudá-lo neste momento.

A mobilização, que acontece há menos de uma semana, arrecadou pouco mais de mil reais, sendo que a meta inicial é de R$ 3.750.

Diante disso, nos últimos meses o que tem possibilitado que Ivy se mantenha é o seu talento de artesão, já que cria miniaturas de animais em feltro sob encomenda. “O dinheiro que ganho com artesanato dá para comer, mas não consigo pagar as contas e o aluguel. Há 15 anos, sobrevivo com o que ganhava nas ruas com minhas apresentações“, explicou.

A carreira de Ivy começou com o trabalho de palhaço, animando festas infantis, e ficou conhecido como Xuxa do Sinal ao se apresentar nos cruzamentos da Barra.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.