Ana Paula Renault ironiza direção do BBB 2020 e manda indireta para Globo

Lucas Medeiros

10/02/2020

Ana Paula Renault

Ana Paula Renault, expulsa do BBB 2016, questionou produção do BBB 2020 (Imagem: Reprodução / Globo)

Ana Paula Renault ficou indignada com a produção do BBB 2020 por conta da “flexibilidade” que o reality vem apresentando na hora de punir as atitudes abusivas por parte dos homens da temporada.

A emissora poupou Petrix e Pyong das acusações de assédio por parte do público e limitou-se a chamar as meninas que teriam sido vítimas das duas ocasiões, perguntando se elas se sentiram agredidas.

Como todas negaram, em ambos os casos, os brothers ganharam uma nova chance e permaneceram na competição normalmente. Ao comentar o assunto no Twitter, Ana Paula reagiu.

Ela foi expulsa por ter dado um tapa no rosto do seu colega Renan, na edição de 2016, e disparou: “Gostaria de ter tido advertência também. Vida que segue“. Os fãs, é claro, captaram a referência.

Na época, Ana era uma das favoritas ao posto de vencedora do programa, mas como foi expulsa, a chance acabou ficando para Munik Nunes, que levou o grande prêmio de R$ 1,5 milhão.

Vale lembrar que Renault chegou a ter seu nome anunciado como uma das participantes do BBB 2020 e se revoltou com o “vazamento” da informação, com um desabafo em seu perfil nas redes sociais.

Quem conhece o mínimo sobre o BBB sabe que detestam spoilers e vazamento de nomes. Quando acontece, a eliminação é certa“, escreveu a mineira no Twitter. “Planos B, C, Z entram em ação“, completou a loira.

A atitude chegou a ser interpretada como um possível receio de ser eliminada antes mesmo do programa entrar ao ar.

Confira:

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Lucas Medeiros
Escrito por

Lucas Medeiros

Redator Publicitário e Gestor de Marcas. Formado em Comunicação Social pela UFRN, escreve desde 2011 sobre o universo televisivo, séries, filmes e novas mídias de forma conectada com as tendências da atualidade.