Após A Dona do Pedaço, Elizângela atuará em humorístico do Multishow

Elizângela
Elizângela volta à TV em série do Multishow, com Marcus Majella (Imagem: Divulgação / Globo)

A atriz Elizângela esteve no ar, até novembro, como Carmelinda de A Dona do Pedaço. Agora, segundo informações da jornalista Patrícia Kogut, ela se prepara para integrar um projeto na TV fechada; mais precisamente no Multishow, um dos braços do Grupo Globo nos canais a cabo. Elizângela está escalada para o novo programa de Marcus Majella, ainda sem título divulgado.

Na trama, Elizângela interpretará a mãe do personagem de Majella – Téo, professor de História querido pelos alunos. Também no elenco está Marcelo Médici, recém-saído de Órfãos da Terra (2019); o ator viverá o inspetor do colégio onde Téo leciona. O projeto está em desenvolvimento no Multishow, que ampliou os investimentos em humorísticos nos últimos tempos, desde novembro passado.

Elizângela, de 64 anos, está na TV desde a infância. Participou do infantil Capitão Furacão (1966), uma das primeiras atrações da Globo. Em 1971, estreou em novelas através de O Cafona. Seguiu no extinto horário das 22h com Bandeira 2 (1971) e O Bofe (1972). A chegada às 20h – hoje 21h – se deu com Cavalo de Aço (1973), de Walther Negrão; dois anos depois, destacou-se em Pecado Capital (1975), de Janete Clair.

Ainda na década de 1970, foi convertida em estrela das tramas de Cassiano Gabus Mendes às 19h, Locomotivas (1977) e Te Contei? (1978). Foi a vilã Mariúcha de Jogo da Vida (1981) e a mau-caráter Marilda de Roque Santeiro (1985). Em 1986, aceitou o convite da Manchete para protagonizar Mania de Querer. Voltou à emissora-líder através de Estados Anysios de Chico City (1991), emendando com a hilariante Rosemary, de Pedra Sobre Pedra (1992).

Nas últimas décadas, Elizângela conciliou trabalhos em outros canais, como o SBT – Éramos Seis (1994) e As Pupilas do Senhor Reitor (1995) – e a Record – A Terra Prometida (2016) –, com tipos cativantes na Globo. Casos de Magnólia em Por Amor (1997), Noêmia de O Clone (2001), Djenane em Senhora do Destino (2004), Nicole de Ti Ti Ti (2010) e Aurora em A Força do Querer (2017).

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WordPress Lightbox