Após abrir processo, ex-câmera do BBB ameaça Boninho: “Vou desmascarar”

Boninho
Boninho está sendo alvo de mega ação trabalhista (Imagem: Divulgação / Globo)

Boninho está no centro de uma grande polêmica. Isso porque o diretor e a Globo estão sendo alvo de uma mega ação trabalhista aberta por oito ex-câmeras do BBB. Um dos profissionais terceirizados até postou um vídeo, que está circulando na internet, onde expõe o que supostamente teria vivido na emissora.

Segundo informações do colunista Leo Dias, do Metrópoles, o profissional confirma as acusações de que eram submetidos a tratamentos humilhantes e grosseiros por parte do diretor do reality show e de outras atrações da emissora.

“Vou desmascarar você, Rede Globo. Vamos ver quem está mentindo. Aguardem que vocês verão”, dispara Washington Santos, num dos momentos da gravação.

No vídeo, o ex-cinegrafista ainda dá detalhes sobre as acusações. “Sou um dos autores do processo contra a Rede Globo, por diversos motivos: insalubridade no ambiente de trabalho, assédio moral, nós éramos submetidos a diversos bichos como aranhas e ratos, cobra, ouriço, gambá”, afirma.

“Todo esse luxo que vocês veem na televisão, nos bastidores não é assim que funciona. Fio desencapado, muita sujeira… E isso não é só falado, temos vídeos, tudo gravado, filmado. Além dos próprios funcionários da Globo falando isso, lógico, sem saber que estavam sendo gravados. É para dar um basta e tirar essa máscara porque ninguém tem coragem. Nós tivemos coragem e entramos com o processo. Esse processo não é só por nós, mas por todos os profissionais que por ali passaram e que ainda trabalham nesse produto que é o BBB”, fala.

Washington também ressalta sobre Boninho: “Nós passamos por diversos tipos de constrangimentos… De ser chutado, de ser posto para fora pelo braço, pelo próprio diretor geral, como eu fui retirado do Câmera Cross – como se chama o corredor envolta da casa… Retirado pelo braço pelo diretor geral, o senhor Boninho”.

“Eu e outros colegas sofremos diversos tipos de assédio moral. Além disso, da falta de respeito com o profissional, nós também sabemos de muita coisa”, garante ele.

O ex-câmera também ressaltou que foi procurado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro para falar sobre o caso de Aline Vargas, de 35 anos, que abriu um boletim de ocorrência contra um produtor do BBB por assédio sexual na Delegacia da Mulher.

A estudante de odontologia contou que dois colaboradores do canal carioca pediram fotos íntimas para que ela continuasse no processo de seleção para o programa.

“Dentro de uma longa conversa, ele me pede uma foto pelada, um nude. Tenho todas as provas possíveis, tenho prints autenticados pela Justiça. Agora, nesse momento, estou mexendo com um tubarão, o programa que o Brasil abraça e ama”, afirmou ela ao Balanço Geral SP, na época.

“Ele transita entre a direção e a produção [do programa]. Quando tinha os processos seletivos presencialmente, ele ia em todos”, revelou Aline para a repórter Grace Abdou.

A Globo, por meio de sua assessoria, nega veementemente as acusações e diz que os vídeos apresentados pelos profissionais na Justiça podem ter sofrido manipulações.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›