Aqui na Band
O diretor Vildomar Batista, a chefe Luiza Hoffmann e os apresentadores do “Aqui na Band”, Silvia Poppovic e Luís Ernesto Lacombe (Imagem: Reprodução / Instagram)

Acabou a espera. A Band, após uma verdadeira novela, enfim, bateu o martelo e definiu a estreia do “Aqui na Band”, matinal que ocupará duas horas diárias da grade da emissora, das 9h às 11h.

Salvo uma chuva de canivetes, o programa de Silvia Poppovic e Luís Ernesto Lacombe fará a sua estreia no próximo dia 27 de maio. O título ocupará o lugar do “Mundo Animado”, sessão de desenhos.

Será mais uma investida da direção da Band no segmento feminino, após experiências frustradas com “Superpoderosas”, “Bem Família” e “Dia Dia”, entre outros.

Com direção de Vildomar Batista, diretor que marcou época à frente do “Hoje em Dia”, da Record, o “Aqui na Band” vai apostar em jornalismo, entretenimento e culinária. Terá um grande time de colunistas, dentre os quais Fernando Gomes Pinto, o “médico gato” do “Encontro”, a chefe de cozinha Luiza Hoffmann e Nana Rude, hoje participante de “O Aprendiz” e que responderá pela cobertura de famosos.

A ideia é que a atração funcione como uma ponte entre o jornalismo matinal, por ora com o “Café com Jornal”, e o “Jogo Aberto”, esportivo ancorado por Renata Fan. Ou seja, embora tenha traços de programa feminino, o “Aqui na Band” vai falar com todos os públicos.

Demorou, mas vai sair

A estreia do “Aqui na Band” demorou pelo menos três meses. Embora a emissora evite usar o termo “adiamento”, o projeto foi protelado meia dúzia de vezes. Nesse meio tempo, os apresentadores fizeram vários pilotos e se submeteram a ajustes no formato.

Seu Sidney 

Um detalhe nessa história toda é que a atração entra em cena bem calçada comercialmente, uma das exigências da cúpula da Band. A Ultrafarma e outras empresas estão apostando no projeto.

Estaca zero

Parte do combo das novas manhãs da Band, o “1º Jornal”, conforme antecipou esta coluna, passou das mãos de Vildomar Batista para as da dupla Fernando Mitre e André Luiz Costa, números 1 e 2 do jornalismo, respectivamente. O projeto, liderado por Joel Datena, voltou à estaca zero. Serão feitos novos estudos e testadas outras possibilidades.

Silêncio

A Band se faz de surda e muda quando o assunto é a estreia do “1º Jornal”. A coluna, que é do bem, deixa no ar a seguinte pergunta: será que sai? As chances de permanência do “Café com Jornal” aumentaram significativamente nos últimos dias. Alô Datena!

 

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!