BBB 2021: Globo expõe comentários racistas de Karol Conká e Nego Di

BBB 2021
Globo não esconde e exibe comentários preconceituosos de Nego Di e Karol Conká sobre Gilberto no BBB 2021 (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

O BBB 2021 não censurou um vídeo com comentários racistas de Nego Di e Karol Conká sobre Gilberto durante a edição ao vivo do programa na última sexta-feira (5). Tiago Leifert fez questão de explicar o motivo da exibição da conversa e destacou a importância social da atração.

Saiba tudo sobre o BBB 2021 na cobertura do RD1

“Como vocês sabem, a casa do Big Brother Brasil muitas vezes é palco de discussões importantes que estão acontecendo na nossa sociedade agora”, iniciou o apresentador, que em seguida explicou aos telespectadores o assunto levantado pelos participantes: o colorismo.

“Às vezes, a forma como isso acontece lá dentro é polêmica, mas mesmo assim a gente gosta de olhar como uma oportunidade de levar para vocês assuntos relevantes”, defendeu o jornalista, que completou: “Nesta madrugada, o assunto levantado foi colorismo. Colorismo é quando o tom da pele determina como uma pessoa negra vai ser tratada”.

Na conversa, Nego Di ironizou o fato de Gilberto, antes aliado e agora rival do seu grupo, se declarar negro. Conká surpreendeu com um comentário. “Negro mesmo é o Fiuk”, disparou na sequência. O humorista atacou e soltou uma frase racista: “Ele é sujinho. Se esfregar bem…”.

Na volta ao estúdio, Tiago Leifert informou que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) pesquisa a cor ou a raça da população como base na autodeclaração do cidadão. Sendo assim, a pessoa pode escolher dentre as cinco opções disponíveis: branca, preta, parda, indígena ou amarela.

Confira a repercussão na web:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›