BBB 2021: Internautas acusam Fiuk de alfinetar mãe de Gilberto

BBB 2021
Internautas acusam Fiuk de alfinetar mãe de Gilberto no BBB 2021 (Imagens: Reprodução – Globoplay / Montagem – RD1)

Todos os participantes que vencem a Prova do Anjo no BBB 2021 têm direito a um almoço especial com convidados, além de mensagens dos membros da família. Fiuk e Gilberto foram os contemplados da semana numa inédita vitória dupla, mas o momento especial rendeu discórdia nas redes sociais.

Saiba tudo sobre o BBB 2021 na cobertura do RD1

Fiuk reparou que sua mãe, Cristina Karthalian, não usou uma camiseta de torcida, como a maioria dos parentes de quem disputa R$ 1,5 milhão no Big Brother Brasil: “Pedi uma camiseta pra mim, ela não escreveu… Poxa, mãe! De falar ‘te amo muito’ com minha foto e tal”.

Comparando sua genitora com a mãe de Gilberto, chamada Jacira Santana, a colocou num patamar relativamente superior: “Ela é chique, ela não gosta dessas coisas. Eu falei: ‘Bota uma foto, escreve que me ama’”. Como resultado, internautas viram um certo elitismo nessa fala.

O Fiuk foi totalmente desnecessário aqui nessa frase onde diz que a mãe dele é chique e não faria camiseta pra torcer pra ele. Praticamente jogou a Dona Jacira no limbo da pobreza”, escreveu uma das pessoas que compartilhou o vídeo, com milhares de curtidas.

Outra pessoa no Twitter veio com uma alfinetada sarcástica: “Que menino chato, todos os almoços do Anjo a família estava com a camiseta [risos]. A família dele provavelmente nem torce pra ele”. Uma terceira fã do BBB 2021 completou: “Ele sendo desnecessário como sempre”.

No vídeo, apareceram Cleo Pires e as irmãs de Fiuk declarando torcida, assim como outro irmão mais novo, os avós e Fábio Jr, que apareceu com um gatinho de estimação e cantando a nova música do filho, já executada no reality show da Globo.

Confira:

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›