Bolsonaro aparece assistindo Trump na GloboNews e web não perdoa

Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro apareceu assistindo à GloboNews durante live nesta quarta-feira (4) (Imagem: Reprodução / Facebook)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), decidiu fazer uma transmissão ao vivo para mostrar que assistia ao pronunciamento do presidente norte-americano Donald Trump, nesta quarta-feira (8). Porém, o canal escolhido pelo político virou piada entre os internautas.

Direto de Brasília, Bolsonaro surgiu sentado em um sofá e olhando para a televisão, que estava sintonizada na GloboNews. Cabe lembrar que o canal de notícias pertence ao Grupo Globo, eterno rival de Bolsonaro desde os tempos em que era deputado federal.

Logo após o fim do pronunciamento, Bolsonaro ainda ironizou o ex-presidente Lula (PT), e reforçou o apoio do Brasil a Trump. “Só quero dizer uma coisa, o senhor Luiz Inácio Lula da Silva, enquanto presidente da República, esteve no Irã e lá defendeu que aquele regime pudesse enriquecer urânio acima de 20%”, atacou.

Tanto a decisão de assistir ao pronunciamento na GloboNews quanto a indireta ao petista foram motivos de críticas nas redes sociais. “Jair Bolsonaro assistindo à GloboNews, e não à RecordNews, ou seja, Bolsonaro traído o Edir Macedo”, disparou um usuário, no Twitter.

Houve quem ironizasse o discurso de Bolsonaro. “Bolsonaro assistindo à GloboNews? Globo nera lixo, flor…”, provocou outra. “Bolsonaro faz live assistindo o pronunciamento de Trump ao vivo pela GloboNews e pede para os brasileiros boicotarem a emissora platinada. Bom senso anos luz de distância…”, afirmou mais um.

Filho de Bolsonaro compartilha fake news para detonar filme Dois Papas

Eduardo Bolsonaro se mostrou crítico ao filme Dois Papas, de Fernando Meirelles, da Netflix. No entanto, para demonstrar a sua insatisfação, o filho do presidente Jair Bolsonaro compartilhou em suas redes sociais uma “fake news” e virou piada.

Isso porque ele usou a crítica que o bolsonarista Bernardo Kruster postou no YouTube. No entanto, no vídeo, o influenciador afirma que o cineasta dirigiu os dois filmes de Tropa de Elite.

Na verdade, o responsável pela famosa franquia protagonizada pelo capitão Nascimento (Wagner Moura) é José Padilha, que também faz produções para a Netflix.

Ainda na gravação compartilhada pelo filho de Bolsonaro, o influencidador ataca a Netflix. “A Netflix está se tornando uma plataforma eminentemente anticristã”, opinou, ao citar o polêmico especial de Natal do Porta dos Fundos.

CONTINUE LENDO →

João Amaro acompanha o mundo da TV e Famosos, assiduamente, desde 2008. É jornalista formado, tem experiência no jornalismo digital, passagens por vários veículos de comunicação, mas se achou no RD1. No Twitter, ele é @_joaoamaro.