Bolsonaro usa Ricardo Boechat para atacar a imprensa e leva bronca da web

Ricardo Boechat
Jair Bolsonaro é atacado após menção a Ricardo Boechat (Imagem: Reprodução – SBT – Band / Montagem – RD1)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) usou uma matéria do Jornal da Band, na época que Ricardo Boechat (1952-2019) era o âncora, e repercutiu uma matéria sobre suposta fraude nas urnas eletrônicas. O político não citou a data da exibição da reportagem.

“A imprensa de ontem e a de hoje. Se lutar com liberdade é difícil, imagine sem ela. Bom dia a todos”, escreveu no Twitter na manhã desta quinta-feira (12). A web ficou irritada pela atitude do “capitão”.

“Se Boechat estivesse vivo, ele estaria te fritando todos os dias. Você é do mal”, acusou um internauta. “É inacreditável que esse (des)governante tenha decidido mais uma vez sujar [a] imagem de quem já não está aqui pra endossar seus argumentos golpistas. Agora foi a vez do Boechat. Sinceramente, esse cara precisa ser preso, perder o mandato é muito pouco”, detonou.

“Esse infeliz tá usando o Boechat para falar suas merdas!”, esbravejou um terceiro. “Deveria ser processado! Se o Ricardo estivesse aqui, esse genocida seria detonado todos os dias!”, apontou. “E os caras já começaram o dia divulgando vídeo do Boechat, como se existisse a mínima possibilidade dele estar ao lado desse governo. Quanta canalhice”, lamentou.

Ricardo Boechat morreu no dia 11 de fevereiro de 2019 após um acidente de helicóptero. Ele estava voltando de um evento no interior de São Paulo quando o piloto perdeu o controle da aeronave e tentou um pouso forçado na Rodovia Anhanguera. O helicóptero se chocou com um caminhão que estava saindo do pedágio da ligação do Rodoanel com a rodovia.

Confira a repercussão na web:

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›