Buscas por canções de Sérgio Reis caem após escândalo político

Sérgio Reis
Sérgio Reis “perde” fãs após crise de imagem (Imagem: Reprodução / Record)

Sérgio Reis provocou uma enxurrada de críticos desde que deu voz aos atos violentos contra o STF (Supremo Tribunal Federal) e o Congresso Nacional marcados para setembro. As buscas pelas músicas do artista diminuíram quase 50% entre os dias 14 e 19 de agosto.

De acordo com as informações da jornalista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, Reis viu sua audiência cair 41% em cinco dias na plataforma de áudio Deezer. A rede não divulgou os números relacionados às produções.

As cidades que mais escutaram o famoso foram São Paulo, Belo Horizonte, Ashburn, na Virgínia (EUA), Curitiba e Rio de Janeiro. Na análise, o público entre 36 e 45 anos foi a faixa etária que mais ouviu Sérgio Reis, com 29%, logo depois veio o grupo de 26 a 35 anos, com 25%.

“Eu errei, cara”

Em entrevista a Roberto Cabrini, da Record, Sérgio Reis apareceu acamado, com semblante doente e se dizendo vítima de uma injustiça:

“Eu errei, cara, quem que não erra, quem não faz uma bobagem um dia? Não me arrependo de nada, só essa frase infeliz que brinquei com um amigo e vazou, mas não é a realidade. […] Quero me redimir com esse povo, desculpa. Até o Supremo [Tribunal Federal], se tiver algum pedido para me prender, aceito com respeito”.

“Não saí daqui, não me escondi. Se seis horas da manhã vier a Polícia Federal aqui em casa, eu me entrego. […] Eu sou democrático, sou do bem, sou do amor”, garantiu.

Sérgio Reis comentou que “hoje em dia ninguém mais está [em] sigiloso” e repetiu um xingamento dado a ele pelos críticos: “Foi desequilibro mesmo. Já me chamaram de velho gagá. Com 81 anos a gente fica meio gagá. […] Posso até não ser, mas falei uma bobagem como um velho gagá. […] Estou triste porque estão me julgando de uma forma que eu não sou”.

“Errei e agora não vai ter isso. Vai ser uma passeata amigável, quieta. Tem que parar o país? Para, mas não quebra nada, não faz nada com ninguém”, pediu.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›