Caio Ribeiro fecha acordo com banco e encerra briga de R$ 3,4 milhões

Caio Ribeiro
Caio Ribeiro precisou pagar dívida milionária com banco (Imagem: Reprodução / YouTube)

A briga judicial entre Caio Ribeiro e o banco Bradesco parece estar perto do fim. O ex-jogador entrou em acordo com a empresa e decidiu colocar um fim na batalha na Justiça de R$ 3,4 milhões que enfrentava.

A informação é do colunista Diego Garcia, do UOL, que declarou que, para encerrar a cobrança, houve a consolidação da propriedade de um imóvel em favor do banco. O apartamento era dado como garantia fiduciária, que, segundo os advogados do comentarista da Globo, vale R$ 4,5 milhões.

Por isso, o Bradesco pediu à Justiça de São Paulo que se encerrasse o processo, com cada parte arcando com seus próprios honorários advocatícios. O juiz Eduardo Moeller acatou a solitação, depois que a dívida foi considerada integralmente paga com o imóvel.

A dívida do famoso junto ao banco foi adquirida por concessão de crédito feita em abril de 2018 no valor de R$ 3 milhões. O financiamento feito pelo ex-jogador previa o pagamento em 360 meses (30 anos), iniciado a partir de maio de 2018.

O Bradesco apontou que Caio Ribeiro enfrentou dificuldades financeiras no ano seguinte, fazendo a renegociação da dívida. A instituição financeira, no entanto, alega que o comentarista continuou sem pagar as prestações.

Recentemente, o famoso falou mais uma vez sobre sua luta contra o câncer. Ele escondeu a doença dos filhos no primeiro momento e explicou o motivo da sua decisão. “Disse ao meu filho que estava tomando um remédio”, contou.

Em entrevista à revista Veja, Caio Ribeiro revelou que pensou nos filhos assim que recebeu o diagnóstico: “A primeira coisa que você pensa é nos filhos, que não quer morrer, porque tem muito a viver com eles. Num primeiro momento só contei ao meu pai e para a minha esposa, Renata. Ela chorou”.

“Meu pai é médico, lida melhor com isso, foi forte”, relembrou. “Para a minha mãe só contei depois, sabia ela iria se emocionar mais. Ela saiu correndo, não quis chorar na minha frente”, recordou.

Pai de João, de 10 anos, e Valentina, de 6, Caio Ribeiro não divulgou a sua verdadeira doença aos filhos. “Disse ao meu filho que estava tomando um remédio, que a consequência era a queda de cabelo e que eu iria raspar a cabeça. Ele só perguntou se eu teria coragem”, relatou.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›