Caio Ribeiro volta a defender jogadores e critica discussão política sobre Copa América

Caio Ribeiro
Caio Ribeiro comentou mais uma vez sobre manifesto dos jogadores a respeito da Copa América (Imagem: Reprodução/ Globo)

Caio Ribeiro participou do Encontro com Fátima Bernardes, da Globo, nesta quinta-feira (10), e voltou a falar sobre o polêmico manifesto dos jogadores da Seleção Brasileira a respeito da realização da Copa América no Brasil.

No texto, divulgado logo após a vitória do Brasil contra o Paraguai, os jogadores se mostraram insatisfeitos com o torneio, mas não se recusaram a disputá-lo.

“Para mim, [o manifesto] deixou muito claro que eles não quiseram se envolver em um debate político e em uma discussão que hoje está extrapolando um pouquinho e tomando conta de todas as rodas de conversas”, iniciou o ex-jogador, em conversa com Fátima Bernardes.

O comentarista da Globo ainda disse que os convocados de Tite “se posicionaram contra a Copa América” e que mostraram “orgulho” em jogar com a camisa do Brasil.

“Era importante que eles fossem ouvidos. Segundo os jogadores, eles eram contra [o torneio] por conta da pandemia e preferiam não jogar inclusive pela questão das férias que eles ainda não tiraram. Ficou muito claro que essa decisão partiu da Conmebol e do presidente da CBF e que eles não foram consultados. Isso desagradou os atletas e seria importante ouvi-los. Acho legal que eles reiteraram o orgulho que eles têm de vestir a camisa da seleção brasileira”, desabafou.

No dia anterior, Caio Ribeiro falou sobre o assunto no Globo Esporte. “Eu achei que eles se posicionaram e deixaram muito claro a insatisfação de participar da Copa América. Uma preocupação muito grande era em não se envolver nessa conotação de polarização politica que existe”, iniciou o comentarista da Globo.

O ex-jogador ainda ressaltou: “E o mais importante: o orgulho de vestir a camisa da seleção e servir o país. Poderia ter sido um posicionamento mais forte? Poderia, mas é importante que a gente respeite a opinião deles, e eles mostraram qual o lado que eles estão na história”.

No final do comentário, Ribeiro ainda disse que a insatisfação dos atletas é “com o procedimento da Conmebol” e com Rogério Caboclo, presidente afastado da CBF: “Foi ele que decidiu trazer [a Copa América] para o Brasil”.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›