Camila Pitanga faz desabafo após anunciar saída da Globo

Camila Pitanga
Camila Pitanga deixa a Globo após mais de duas décadas (Imagem: Fábio Rocha / Globo)

Camila Pitanga comentou pela primeira vez sobre a sua saída da Globo após 25 anos. Com um currículo dos mais importantes dentro da empresa, a atriz soltou um texto no Instagram e disse que a saída “não é um adeus”.

“Não, isso não é um adeus – até porque após 25 anos eu posso dizer que a Globo é parte de mim assim como acredito que deixo nesta casa não somente papeis que marcaram minha história, mas deixo amor”, começou.

“Então, como eu poderia dizer adeus se essa história não me parece finita? Porque essa é a mágica do meu ofício: a arte é eterna. E grande parte da eternidade que produzi na minha carreira”, completou.

História de sucesso

Na Globo, Camila Pitanga participou de novelas como Fera Ferida (1993), A Próxima Vítima (1995), Pecado Capital (1998), Mulheres Apaixonadas (2003), Belíssima (2005), Paraíso Tropical (2007), Cama de Gato (2009) e Velho Chico (2015), entre outras produções.

Assim que saiu a decisão da não renovação, a artista ficou chateada, mas ouviu uma frase que a deixou mais calma e mais receptiva ao novo ciclo:

“‘Não é uma separação, é uma filha saindo de casa pra ir pro mundo’. É isso! Eu quero o mundo! Tomar a decisão não foi fácil, aliás, foi bem difícil e ela demorou muito”.

Camila entendeu “que não fazer mais parte do formato de contrato fixo não quer dizer que não farei mais parte da Globo”, e completou: “Pois o que construímos é eterno e minha relação com essa casa que me acolheu é para sempre”.

Sem contrato, mas no ar

A famosa citou a sua participação na nova temporada de Aruanas, série do Globoplay e seguiu com o seu relato sobre a sua era no Plim Plim:

“Foi assim que construímos nossa história, que me construí como artista, como mulher, como mãe… Eu cresci na Globo. Não só como artista. Lembro-me de ainda criança estar por ali, em frente às câmeras, nos bastidores, aprendendo sobre o ofício de atriz e também sobre a vida. Vi meu pai, meu irmão, meus amigos, pessoas que se tornaram minha família, criando e produzindo naquele ambiente”.

“Fico muito feliz de como tudo foi feito, das conversas que tive com pessoas lá dentro que me acolheram nesse novo passo que estou dando. Tenho muito gratidão a tudo que fiz e com certeza ainda farei no Grupo Globo”, garantiu.

“Seja em um produto inédito como Aruanas, seja em reprises cheias de afeto e confusão como a Bebel em Paraíso Tropical, que voltou no Viva. Saio grata, feliz e convicta de saber como me mantive em evolução e inquieta em 25 anos de casa. Um casamento dos mais longos e profundos que pude viver! Até já!”, encerrou.

Confira:

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›