Camilla de Lucas solta o verbo após fala de Adriana Sant’Anna sobre empregadas

Camilla de Lucas não deixa barato e rebate Adriana Sant’Anna (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

Assim como o Big Brother Brasil está cada vez mais consciente, a comunidade de ex-BBBs também está com um senso crítico cada vez maior. Prova disso é que Camilla de Lucas rebateu uma declaração polêmica de Adriana Sant’Anna.

Camilla faz parte da nova geração de ex-brothers e não ficou calada diante da fala polêmica da loira sobre a dificuldade em encontrar uma empregada doméstica para trabalhar em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos.

É lá que ela mora com o também ex-BBB Rodrigão e os dois filhos. Nos Stories do Instagram, a loira gerou revolta e disparou: “Gente, por favor. Acha alguém pra trabalhar aqui em casa, fazer tudo”.

“Eu imploro, indica alguém aqui dos EUA. A gente paga bem. Eu só preciso que limpe, lave, passe, guarde, cozinhe e olhe as crianças quando eu precisar […] E quero alguém para ficar aqui o tempo todo, fazendo tudo para mim”, disse.

A polêmica, porém, veio depois, quando ela disparou: “Aproveitar e fazer ressalva, a gente no Brasil estava feita. Porque lá uma pessoa faz tudo. Aqui, para passar 25 dólares a hora a mais, para dobrar 25 dólares”.

Ah, para poder esticar o braço, mais 10 dólares. É assim. Então, você que tem alguém no Brasil, ajoelha e agradeça a Jesus”,  completou. Foi aí que Camilla de Lucas interveio e a rebateu em suas redes, dizendo:

“Vi uns stories ontem de uma pessoa superconhecida, que tava reclamando do preço que as diaristas cobram, que ela acha um absurdo o valor. Quando eu vi esses stories, eu fiquei tão chateada. […] Minha mãe trabalhou na casa de algumas famílias por muitos anos, […] trabalhava como doméstica porque ela não tinha concluído os estudos. Então, ela não via outra opção de trabalho, era muito mais difícil ela conseguir uma outra oportunidade. Quando eu vi os stories dessa mulher, falando de um jeito das empregadas cobrarem 25 dólares lá nos Estados Unidos, eu lembrei da minha mãe, como ela chegava em casa extremamente cansada e mal porque passava por humilhação”.

“Você que tem doméstica em casa, valorize. Se você não tem condições de pagar uma doméstica, uma secretária do lar pra cuidar da sua casa, não tenha. Faça você a limpeza da sua casa. Mas se você quer ter, pague o valor que essas pessoas merecem, porque elas fazem parte da sua casa e devem ser tratadas como pessoas da sua família”, prosseguiu.

“Minha mãe não vai voltar a trabalhar mais, porque ela […] chegava em casa 1h da manhã, vinha andando porque o ponto de ônibus não deixava na porta de casa. […] Dias de luta, dias de glória. Se você é doméstica, busque seus direitos, não aceite trabalhar sem carteira assinada. […] Beijo pra vocês, espero que o trabalho de vocês seja, sim, valorizado. E não sejam tratadas de forma escravizada”, completou.

Confira:

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›