Cantor do Molejo é acusado de estuprar homem de 21 anos

Molejo
Anderson Leonardo, do Molejo, é acusado de estupro (Imagem: Divulgação/ Globo)

O cantor Anderson Leonardo, do grupo de pagode Molejo, está no meio de uma grande polêmica. O famoso é suspeito de violentar um rapaz de 21 anos no final do ano.

A denúncia foi registrada na 33ª Delegacia de Polícia do Rio, no bairro de Realengo, no Rio, que investiga o caso. Em nota, a delegacia disse que chamará Anderson para prestar depoimento sobre as acusações.

“Os agentes aguardam o resultado do boletim médico do hospital para verificar se houve ato sexual, e vão requisitar imagens de câmeras de segurança instaladas no estabelecimento onde teria acontecido o fato e ouvir testemunhas”, afirmou a Polícia Civil.

“Os policiais também vão coletar objetos e elementos que estejam relacionados ao caso para esclarecer todas as circunstâncias do ocorrido”, completou o comunicado.

A acusação está sendo feita pelo cantor e dançarino Maycon Douglas Pinto de Nascimento Adão, o MC Maylon. Ao G1, ele disse que o crime aconteceu em dezembro do ano passado, num hotel em Sulacap, na Zona Oeste do Rio.

“Hoje eu estou muito mais forte pra falar. [Anderson] Era um cara que eu chamava de pai, de padrinho”, declarou o cantor.

O vocalista do Molejo disse, em nota da assessoria, “que os fatos publicados não são verdadeiros” e que “em mais de 30 anos de vida pública, jamais tivera seu nome ligado a qualquer ato criminoso ou que viesse a desabonar ou macular a sua imagem e carreira, seja de sua vida profissional ou pessoal”.

MC Maylon, que possui uma tatuagem no antebraço do rosto de Anderson, revelou ainda que foi levado ao hotel contra a sua vontade. Os dois estavam no carro a caminho da reunião, mas o pagodeiro teria mudado o destino, levando Maylon para o hotel. Lá, o cantor disse que começou a ser agredido pelo vocalista do Molejo.

“Quando entramos, ele começou a me agredir. Me deu tapa na cara. Durou uma hora e não sei quantos minutos. Eu nunca ia esperar isso dele. Quando ele penetrou em mim, senti muita dor”, declarou ele.

O dançarino também destacou que ouviu de Anderson que era uma “vergonha um viado (sic) de 21 anos ser virgem” e que “pelo menos agora já sabe se é homem ou mulher”.

Em rede social, ele falou sobre o seu sonho de casar virgem. “Eu queria ter me casado virgem e ele acabou com o meu sonho”, disse o cantor. “Hoje meu mundo é isso que eu vivo, sem maquiagem, eu era tão vaidoso, passava tanta maquiagem, meus amigos e amigas sabem disso. E dentro do hotel ele falou pra mim: você tem cara de puta, de prostituta, jamais achava que você era virgem com essas roupas.”

“É muito triste, mulheres, gays, não deixem ninguém fazer isso com vocês, vocês são fortes. Eu não vou deixar o Anderson Leonardo acabar com meu sonho, minha vida e minha carreira. (…) Não fiquem com medo, denunciem”, completou.

Anderson nega

O vocalista do Molejo garantiu que provará sua inocência na Justiça. “[O cantor] nega as infames acusações que lhe são imputadas, as quais foram recebidas com grande surpresa, reforçando sua inocência, a qual tem certeza que será demonstrada no curso do inquérito policial”, diz a nota.

“Informa também que conhece a suposta vítima, mas jamais praticou os atos veiculados na imprensa. Inclusive, tem conhecimento que a suposta vítima já esteve presente em diversas apresentações artísticas do cantor, em ocasiões posteriores à falaciosa alegação, o que demonstra, claramente, que a narrativa publicada nunca ocorreu”, concluiu.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›