Carla Vilhena se emociona na CNN Brasil ao ver cena de bebê no Afeganistão

Carla Vilhena
Carla Vilhena não segurou a emoção com cena em telejornal (Imagem: Reprodução / CNN Brasil)

Carla Vilhena ficou muito chocada e não conseguiu esconder a sua tristeza, durante o Visão CNN, nesta sexta-feira (20), ao ver uma cena em que bebê é passado por cima de arame farpado no Afeganistão.

O telejornal mostrou o momento e Roberta Russo noticiou: “Um registro impressionante do desespero do povo afegão, que repercutiu muito nas redes sociais. As imagens mostram um bebê sendo entregue para um homem dos soldados americanos”.

“Essa criança é passada por cima do arame farpado do muro que protege o aeroporto. Esse registro assustador demonstra o medo da população sobre a volta do Talibã no poder”, completou a jornalista.

Com a voz embargada, Carla Vilhena, direto do estúdio, reagiu: “Uma situação inadmissível, Inadmissível. Qualquer um que é pai ou mãe sofre com essa imagem”.

Recentemente, a âncora virou assunto no Twitter por causa de um comentário justamente sobre a crise no Afeganistão. Tudo aconteceu quando a apresentadora comentou a ascensão do grupo terrorista Talibã no Afeganistão.

Após exibir um vídeo mostrando dezenas de afegãos conversando com a correspondente da CNN, a ex-Globo, então, chamou a atenção para o fato do baixo número de afegãos usando máscara de proteção.

“Outra coisa que me chamou a atenção ali foi a falta de máscara. Você viu que só dois, um até com o nariz de fora, usavam máscaras, sendo que o Afeganistão é um dos países que tem menos vacinados do Mundo”, disparou a âncora.

Na rede social, então, muitos internautas criticaram a fala de Vilhena, que ocorre num momento em que muitos afegãos estão tentando deixar o território com medo de morrer.

“Em meio a ação terrorista sem precedentes do talibã no Afeganistão, a âncora da CNN, Carla Vilhena, ignora o Pânico, fuga da morte por decapitação, fuzilamento e fogueira humana e cobra máscaras. É sério! Máscaras… Meu Deus…”, criticou uma internauta.

“Esse é o nível do ‘jornazismo’ do Brasil. Afegãos correndo risco de morte e âncora da CNNlixo Carla vilhena preocupada com uso de máscaras”, declarou outro.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›