Danilo Gentili
Danilo Gentili fez piada após decisão da Justiça (Imagem: Reprodução / Instagram)

Danilo Gentili foi surpreendido por uma decisão da Justiça na última quarta-feira (10), na qual foi condenado por injúria no caso envolvendo a deputada federal Maria do Rosário (PT/RS). O apresentador do SBT usou as redes sociais e se manifestou com piada e desabafos .

No Instagram, o artista recordou um pôster em que ele apareceu de desenho animado, de algemas, na frente de um juiz. Ei, Maria do Rosário, por favor me ajude. Prender não adianta nada. Sou apenas uma vítima da sociedade”, ironizou.

Em seguida, Danilo lembrou de um stand up em que aconselhou a sua plateia sobre os políticos. Ele afirmou que “somos nós” quem os manda calar a boca e não o contrário. O humorista pegou uma serra elétrica e destruiu o cenário.

“Isso que eu disse nesse vídeo continua valendo pra mim, não mudará. Ao público e aos jornalistas, comediantes e artistas que após a minha condenação à prisão manifestaram apoio à liberdade de expressão: muito obrigado! Nunca esquecerei disso. Aos comediantes e artistas que pedem liberdade para político criminoso, dão chilique contra uma hipotética repressão futura mas agora estão bem quietinhos: muito obrigado também, por provarem que o meu ponto de vista é verdadeiro. Politicamente Correto não é sobre o que se fala ou faz e sim sobre quem fala ou faz”, desabafou.

Danilo Gentili também recordou para o seu público o início da confusão até a decisão da Justiça em condená-lo. “A ordem dos fatos: 1) Maria do Rosário vivia dizendo que piadas sao machistas 2) Zé de Abreu cuspiu no rosto de uma mulher e a mesma apareceu em publico defendendo a agressão dele 3) Eu a zoei e chamei de hipócrita 4) Ela me enviou censura oficial 4) Rasguei censura 5) Fui condenado”, afirmou no Twitter.

Oscar Filho se manifestou na mesma rede social. Ele não concordou com a ofensa proferida por Danilo à deputada, mas repudiou o que ele chamou de “abuso de autoridade”. “Peraí… O Danilo Gentili chamou a Maria do Rosário de ‘puta’ e ele foi condenado à prisão por isso? E carrega a Lula Livre no perfil? Deputada, dois pesos e duas medidas? Chamar de puta não é lá algo que se faça, mas que devaneio é esse de abuso de autoridade?”, argumentou.

Danilo acrescentou: “Não. Fui condenado porque rasguei a censura estatal que ela me enviou. Não tem nada a ver com chamar isso ou daquilo. As mesmo pessoas que não relativizam e nem miniminizam os efeitos de uma piada relativizam e miniminizam a censura oficial estatal”.

Oscar, depois, concordou com Danilo: “Isso, mas se originaliza a partir disso, não? Apoio completamente tua atitude de rasgar, passar no saco e mandar enfiar no rabo. A imunidade dos políticos os permite a fazer coisas muito piores!”.

Danilo Gentili é condenado à prisão por injúria à petista Maria do Rosário

Danilo Gentili foi condenado a seis meses e 28 dias de detenção por injúria contra a deputada Maria do Rosário (PT-RS). A sentença, confirmada nesta quarta-feira (10), foi dada pela juíza Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo.

O humorista e apresentador do “The Noite”, do SBT, publicou um comentário em um vídeo no Twitter, em 2016, que viralizou por várias redes sociais. Na gravação, Gentili exibia um cartaz com a palavra “deputada” e cobria a última sílaba da palavra. Como resposta, Rosário processou o famoso.

A defesa de Danilo alegou que o comediante não teve a intenção e atacar a deputada. Em questão, porém, a juíza do caso não reconheceu o argumento como válido. Na decisão, a juíza ressaltou o direito à liberdade de expressão, todavia, pontuou que quando há o avanço entre a linha da ética, “surge no Estado de Direito a tutela penal como legítimo instrumento de contenção contra o uso abusivo da liberdade de expressão”.