Coronavírus tira Chico Pinheiro e Ana Luiza Guimarães do JN, que ganha novos âncoras

Chico Pinheiro
Chico Pinheiro e Ana Luiza Guimarães estão fora do rodízio do JN por tempo indeterminado (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

A Globo, seguindo o que vem sendo praticado por Record e CNN Brasil desde o meio da semana em razão da pandemia de coronavírus, afastou profissionais do vídeo, e dos bastidores, com mais de 60 anos, com doenças crônicas ou em recente tratamento contra o câncer.

Com a medida, Chico Pinheiro (66) deixa o Bom Dia Brasil, que segue apenas com Ana Paula Araújo, e tem seu retorno ao rodízio do Jornal Nacional suspenso por tempo indeterminado. Além dele, Ana Luiza Guimarães (53), que enfrentou um câncer no pâncreas há 4 anos, foi afastada do RJTV 2ª Edição e da escala do JN – a edição deste sábado (21), inclusive, seria apresentada por Ana e Flávio Fachel. Mariana Gross a substitui.

Além de Pinheiro e Guimarães, a Globo optou por preservar Miriam Leitão (66), que gravará seus comentários para o Bom Dia Brasil direto de casa, e Carlos Tramontina (63), do SPTV 2ª Edição e Antena Paulista. Repórteres e correspondentes na mesma faixa etária também foram poupados. Na GloboNews, a medida alcança Leilane Neubarth (61) e José Roberto Burnier (59), que enfrentou um câncer na base da língua no ano passado.

Desta forma, o rodízio do Jornal Nacional passa a contar, por ora, com quatro profissionais da Globo (Flávio Fachel, Mariana Gross, Ana Paula Araújo e Helter Duarte, que fará a sua estreia na bancada) e dois da GloboNews (Maria Beltrão e Marcelo Cosme, também novatos no posto). Todavia, Renata Capucci e André Trigueiro, do canal pago, podem ser anunciados como reforço do time ao longo da semana.

À coluna, a Globo enviou o seguinte posicionamento: “A partir de hoje (21), todos os jornalistas com mais de 60 anos, do vídeo ou da redação, ficarão em casa por tempo indeterminado. Alguns trabalhando em esquema de home office e, se for o caso, poderão ser acionados pela internet”.

Maria Beltrão
Maria Beltrão e Marcelo Cosme vão apresentar o JN (Imagem: Reprodução – GloboNews / Montagem – RD1)

Em São Paulo, a titular Maria Julia Coutinho comanda o Jornal Hoje deste sábado. O rodízio do noticiário passará a contar com Rodrigo Bocardi, Cesar Tralli, Roberto Kovalick e Márcio Gomes – os três primeiros, plantonistas do Jornal Nacional, ficam proibidos, a exemplo de profissionais de outras praças, de embarcarem para o Rio. Com isso, fica estabelecido: o JH com âncoras apenas de SP e o JN com apresentadores somente do RJ.

Na GloboNews, o Em Ponto ficará sob os cuidados de Julia Duailibi e Octávio Guedes. Já Maria Beltrão, Leila Sterenberg e Cecília Flesch vão se revezar no Edição das 18h. As mudanças, assim como na dramaturgia da Globo, são por tempo indeterminado.

CONTINUE LENDO →

João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.

ALERTAS GRATUITOS