Craque Neto se revolta após homofobia praticada por Maurício Souza e desabafa

Neto
Craque Neto se revolta após homofobia praticada por Maurício Souza e desabafa (Imagem: Reprodução / Band)

Na última quarta-feira (27), Neto usou seu espaço no programa Os Donos da Bola, da Band, para criticar o jogador de vôlei Maurício Souza por conta de uma postagem de cunho homofóbico veiculada nas redes sociais.

Acostumado a falar tudo o que pensa, o apresentador expôs sua revolta e falou poucas e boas para o ex-contratado do Minas Tênis Clube.

“Esse rapaz foi homofóbico. Quem falou que o Hulk é hétero? Que Jesus é? Quem falou que só hétero pode mandar no mundo?”, disparou, sem nenhum pudor.

“Quem falou que o super-homem não pode ser bissexual? Onde está escrito? Na pedra de Moisés? Quem disse isso? E pra mim o super homem é gay!”, disse em seguida.

“Pronto, falei! Porque ele voa e porque ele precisa daquele negócio de kriptonita. Ele é gay. E qual o problema que ele é gay? Os grandes ditadores do mundo são todos héteros?”, acrescentou o ex-craque.

Neto finalizou o assunto ironizando o pedido de desculpas feito pelo atleta. “Eles não têm saco pra aguentar o que escrevem e falam. Agora aguenta as pancadas! Não é você que usa a camisa 17? Então aguenta firme!”, disparou.

É válido lembrar que quem também comentou o caso foi Walter Casagrande. No Seleção SporTV da última quarta, o comentarista da Globo chamou o atleta de mau-caráter e recordou um episódio entre ele e o jogador de vôlei.

“É crime. É covardia. E é mau-caratismo. Principalmente e especificamente o Maurício Souza. E eu estou falando com propriedade, porque ele foi mau-caráter comigo. Então, para mim, ele é mau-caráter”, iniciou Casagrande, fazendo referência ao comentário de Maurício.

Ele ainda seguiu: “Em 2018, antes das eleições, eu comecei a criticar (o presidente Jair Bolsonaro), a me posicionar sobre isso, e em determinado momento, eu fui dar uma entrevista longa numa rádio, onde eu contei minha história a todos, e o senhor presidente Jair Bolsonaro, que também é covarde e mentiroso, fez um recorte da minha entrevista, que poderia mostrar para as pessoas que eu era um satanista. Beleza. Passou”.

“Dei uma entrevista para a revista Playboy, falei que ele era mentiroso. Obviamente que ele nem falou nada, porque é mentiroso mesmo. O Mauricio Souza, há uns três meses, recuperou esse vídeo e postou nas redes sociais dele. Ele colocou esse vídeo editado, mentiroso, falso, que o Jair Bolsonaro editou, nas redes sociais dele”.

“Então, eu não me surpreendo, porque esse cara é homofóbico, é um cara que foi mau-caráter comigo. Parabéns a todos os atletas que se posicionaram. Esse cara, Mauricio Souza, é um homofóbico, preconceituoso, possivelmente racista, covarde e mau-caráter”, completou o ex-jogador.

Assista:

MAIS LIDAS

Álvaro Penerotti
Álvaro Penerotti sempre foi bastante engajado a tudo que envolve o mundo da TV e Famosos. Com intensa vivência na área de jornalismo e mídias sociais, já trabalhou em rádio e também em importantes veículos de comunicação na web. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @AlvaroPenerotti.
Veja mais ›