Cristã convicta, Andressa Urach defende A Fazenda e explica o motivo

Andressa Urach
Andressa Urach relembrou sua participação em A Fazenda (Imagens: Reprodução / YouTube)

Enganou-se quem achava que Andressa Urach, pelo fato de ter virado cristã, criticaria a produção de A Fazenda por parte da Record, que pertence ao bispo Edir Macedo.

Fiel na Igreja Universal desde a sua conversão, a loira foi entrevistada pelo Pânico na Jovem Pan e questionada sobre um canal “evangélico” produzir esse tipo de conteúdo.

Em resposta, a ex-vice-Miss Bumbum disse que, caso a programação da casa fosse 100% cristã, ninguém assistiria, já que o público gosta de ver coisas negativas.

Em seguida, afirmou que a igreja é uma coisa e a emissora é outra, defendendo com unhas e dentes o que é levado ao ar pelo canal que a acolheu antes e depois da conversão.

Apesar de tudo, ao ser questionada sobre seu retorno ao programa que a consagrou, Andressa Urach garantiu que jamais voltaria.

Segundo ela, o objetivo de um reality show é gerar contendas, que é o que o faz lucrar, e ela, como humana, poderia correr o risco de envergonhar o evangelho lá dentro.

Quanto ao sucesso da temporada que participou, disse que o vê com bons olhos, pois, dessa forma, o público pode enxergar a mudança que Deus fez em sua vida.

Confira:

CONTINUE LENDO →

Publicitário e Jornalista de Celebridades, Lucas Medeiros compartilha todos os dias o cotidiano dos famosos de maneira leve, original e divertida. Acompanhe tudo clicando aqui!

ALERTAS GRATUITOS