Danilo Gentili reage contra Marcius Melhem após ser envolvido em processo

Danilo Gentili
Danilo Gentili e Marcius Melhem travam batalha na Justiça (Imagem: Reprodução – SBT – Globo / Montagem – RD1)

Marcius Melhem moveu um processo contra o apresentador Danilo Gentili e, segundo o contratado do SBT, a ideia do ex-diretor de Humor da Globo é silenciá-lo e inibir ele e indiretamente outras testemunhas vítimas de assédio supostamente praticados por ele.

O ex-contratado da emissora dos Marinho pediu na Justiça uma indenização de R$ 50 mil a Danilo Gentili por suas críticas e piadas feitas nas redes sociais logo após ter sido acusado por ex-colegas da emissora de assédio. As informações são do jornalista Rogério Gentili, do UOL.

Para o apresentador do The Noite, a intenção de Melhem é intimidar as pessoas a fazer comentários sobre o caso, “sob pena de ser o próximo a ser processado, o que, independentemente do resultado do processo, gera despesas consideráveis com custas judiciais e honorários”.

“Trata-se de inquestionável exercício da liberdade de expressão”, defendeu Danilo, que ressaltou que em nenhum momento acusou Marcius Melhem de ter cometido qualquer crime e que sim, fez piadas, mas a partir de notícias e fatos expostos para o público.

O funcionário do SBT lembrou que a Globo, em 2018, foi ao Supremo Tribunal Federal para defender que seus humoristas pudessem falar dos candidatos no período das eleições para criticá-los.

“Não pode Melhem, agora que reportagens sobre ele estão sendo veiculadas na imprensa, utilizar do processo judicial para suprimir a liberdade de outros humoristas de fazerem o que ele fez durante décadas: humor irônico e crítico com base em notícias veiculadas na imprensa”, apontou.

Quando as notícias de assédio explodiram, Danilo Gentili fez piadas em suas redes sociais como: “Em breve, Marcius Melhem estrará seu novo programa: Porra total” e “Eu sempre achei que o Marcus Melhem forçava. Mas eu achava que era só no humor”.

No processo, Melhem negou que tenha cometido crimes de assédio e afirmou que o colaborador de Silvio Santos, “com base exclusivamente em matérias de imprensa e presumindo como comprovado o suposto assédio”.

“Mediante a simples leitura das publicações em suas redes sociais, todas feitas para milhões de seguidores, percebe-se que Gentili abusou, e muito, do seu direito à liberdade de expressão e informação”, declarou o ex-diretor da Globo.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›