Datena se irrita novamente com produção e grita no Brasil Urgente

Datena
Datena explode com equipe do Brasil Urgente (Imagem: Reprodução / Band)

José Luiz Datena voltou a perder a paciência com a sua equipe do Brasil Urgente, da Band, nesta quinta-feira (19). O apresentador se irritou ao vivo enquanto apresentava uma notícia sobre a variante Delta, da Covid-19, no Rio de Janeiro.

A reclamação veio quando o jornalista chamou o repórter Fernando David para dar as informações sobre o tema. No entanto, o profissional teve um imprevisto e não apareceu a tempo.

“Abre um link para o Fernando David para ele dizer para a gente sobre a variante Delta, que já está em São Paulo para caramba, está provocando lá no Rio de Janeiro. Pois não, Davizinho, direto do Rio de Janeiro, uma das maiores revelações da TV brasileira… que já não está mais lá, porque se tivesse já estava falando aí”, iniciou Datena, percebendo a falha ao vivo.

A produção do Brasil Urgente logo informou ao apresentador que o repórter estava atrasado. Pelo ponto, a equipe do vespertino, provavelmente, pediu para que o âncora se levantasse de sua bancada enquanto o rapaz não chegava.

“Hã? Levantar um pouquinho? Pô, eu fico aqui 3h30. Eu levanto, mas eu fico aqui, pô… Levantar um pouquinho… Fico 3h30 aqui todo dia, tenho 64 anos de idade, que isso? Levantar um pouquinho… É brincadeira isso aí“, gritou o contratado da Band.

O comunicador esbravejou: “Não tem repórter para falar da variante Delta lá no Rio de Janeiro, não? Tem? Se não, tem ver o que significa variante Delta, aí”. Em seguida, ele chamou novamente e a reportagem sobre a variante finalmente foi ao ar.

No começo do mês, o apresentador já havia soltado o verbo contra a equipe. Ao vivo, na ocasião, ele cobrou a produção sobre um levantamento a respeito dos estados que mais cobram impostos nos preços dos remédios.

“Faz mais de um ano que estou pedindo para a produção esse levantamento sobre os preços dos remédios. Tô pedindo isso faz séculos. São 15 dias falando sobre isso aqui”, disparou o jornalista, irritado.

Aos gritos, o famoso ainda afirmou: “Quero saber quais são os estados que mais cobram em remédios. Por que não fizeram até hoje?”.

O apresentador da Band também se irritou ao ser informado pela produção do programa policial que o levantamento ainda estava em produção. “Daria para vocês levantarem preços de remédios no mundo inteiro”, reagiu o famoso, de forma irônica.

“Falem que vocês não fizeram porque não interessa a minha opinião. Aí eu calo a boca aqui. Eu quero saber isso amanhã. Vocês não precisam me respeitar, mas precisam respeitar o telespectador da Band. Isso é simples. Alguém com boa vontade faz isso em meia hora”, desabafou ele.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›