Datena volta a reclamar com equipe e grita ao vivo no Brasil Urgente

Datena
Datena grita ao vivo no Brasil Urgente contra equipe (Imagem: Reprodução/ Band)

José Luiz Datena mostrou mais uma vez que não tem papas na língua. Na edição desta segunda-feira (19) do Brasil Urgente, da Band, o apresentador rasgou o verbo contra a produção do jornalístico.

Num dos momentos da atração, ele se revoltou contra uma produtora, que falava em seu ponto eletrônico: “Não dá pra você falar no fim do VT, meu amor. Eu já estou falando isso há 312 anos, meu amor”.

“Quando o homem para de falar eu tenho que falar com a Cátia, com o Lucas, com esse pessoal todo. Tem que falar com pessoal aqui se não fica chato. Depois dizem que eu sou chato né?”, completou o jornalista.

Também em um tom agressivo, Datena disparou contra um repórter ao perceber que um trem quebrado apareceu na câmera em Estação de São Paulo.

“Eu presto atenção em tudo. O trem está parado ali, eu acho que eu vi. Teve um momento que apagou o trem, não tem? Garrafa, acorda aí meu filho!”, disparou ele ao vivo.

“Pode deixar que eu falo aqui mesmo. Eu estou de olho aqui, vocês pensam que eu sou trouxa, eu tenho cara de bobo e jeito de andar velho”, comentou Datena.

Por fim, ele concluiu: “Apagou a luz, não tem trem para o povo andar. Eu estou com um olho no peixe e outro no gato. Só faltava essa”.

Recentemente, no Brasil Urgente, o apresentador fez duras críticas ao governo Jair Bolsonaro (sem partido) por conta do aumento nos preços dos alimentos e de combustíveis.

“Aumentou a gasolina de novo? Que canalhice! Essa coisa vai estourar. Não vai dar certo isso. As pessoas não têm dinheiro pra botar combustível. Quem pode se virar vai pro transporte público, mas aí corre risco de morrer com condução lotada com 14 milhões de pessoas dentro do transporte coletivo. Não tem cabimento uma coisa dessa. É só no nosso?”, disparou Datena, bastante exaltado, prosseguindo:

“Aumento de gasolina de novo… O aumento do diesel vai direto pro preço do alimento. O sujeito não tem mais o que comer, ainda mais com o dinheiro do auxílio desse Paulo Guedes de R$250. O que vai adiantar? Daqui a pouco nem chuchu vai poder comer. Carne é coisa que o cara só vê na novela ou em comercial de TV. Por que vocês não vão…? Foi isso mesmo que você pensou! Que barbaridade…”.

Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›