Depois de ataque a Bruno Covas, Bolsonaro é alvo de sermão de Alexandre Frota

Alexandre Frota
Alexandre Frota se manifesta após ataque de Jair Bolsonaro a Bruno Covas, ex-prefeito de SP vítima do câncer (Imagem: Reprodução – TV Cultura – SBT / Montagem – RD1)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) causou mais uma polêmica no cercadinho do Palácio da Alvorada. Em conversa com poucos apoiadores, o “capitão” atacou Bruno Covas, ex-prefeito de São Paulo morto em maio após luta contra o câncer. Alexandre Frota (PSDB-SP) não poupou no sermão.

O Chefe do Executivo recordou o episódio de Covas no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, para Palmeiras x Santos, jogo válido pela final da Libertadores 2020.

“O outro, que morreu, fecha São Paulo e vai assistir a Palmeiras e Santos no Maracanã”, alfinetou. Antes, ele citou uma viagem internacional feita pelo governador João Doria (PSDB), em dezembro do ano passado.

Veja Também

A atitude provocou a reação de Alexandre Frota, um dos maiores inimigos de Bolsonaro no Congresso Nacional e nas redes sociais. O deputado federal pelo PSDB de São Paulo citou que “enquanto Bolsonaro ataca Bruno Covas, ministros do TSE decidem abrir inquérito contra o presidente”, e finalizou com um pedido:

“Enquanto Bolsonaro ataca Bruno Covas que aqui não está mais, uma reação chega do STF e TSE para investigar o charlatão político. Ministros do TSE decidem abrir inquérito contra o Jair Bolsonaro e Luís Roberto Barroso apresenta notícia-crime . Espero que dê em algo”.

Quem também tomou partido sobre o ataque de Bolsonaro a Covas foi Doria. “A desumanidade de Bolsonaro, agredindo de forma covarde Bruno Covas, só demonstra ainda mais sua falta de respeito pelos vivos e pela memória dos mortos”, criticou.

Confira:

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›