Edílson relembra briga com Craque Neto na Band e repreende ex-colega

Paulo Carvalho

05/07/2022

Edílson

Edílson recorda polêmica com Craque Neto na Band (Imagem: Reprodução – Band – Jovem Pan / Montagem – RD1)

Edílson, o mais novo contratado da RedeTV!, não guardou sua visão sobre a saída da Band e seu relacionamento profissional e de amizade com Craque Neto. Os dois trabalharam juntos em Os Donos da Bola e protagonizaram momentos de tensão ao vivo.

Em entrevista à Jovem Pan Esportes, o ex-jogador do Corinthians expôs sua gratidão ao apresentador, mas afirmou que algumas coisas não deveriam ter sido faladas pelo ídolo do Timão.

“Respeito, sou grato ao Neto para caramba. Dois anos lá, aprendi para caramba. Hoje, se estou na RedeTV!, foi porque eu aprendi lá. Mas, ele não podia falar aquilo, que foi problema de relacionamento. Fica um negócio muito aberto, as pessoas poderiam não querer me contratar por causa daquilo”, desabafou.

Edílson destaca a influência de Craque Neto na TV

Edílson reforçou que Craque Neto “é um cara que tem muita influência na mídia” e “quando ele fala que eu não me relaciono, todo mundo pode pensar o que quiser”. A nova estrela da RedeTV! frisou:

“Então, eu tive que me defender. Nessa que eu me defendi, ele não gostou, praticamente chamei ele de mentiroso e ninguém gosta de ser chamado disso. Hoje, já passou. A gente não se fala hoje, mas se nos encontrarmos e ele quiser se falar, a gente se fala”.

O ex-atleta relembrou a declaração do contratada da Band ao jornalista Thiago Asmar, no ano passado, quando o comunicador contou que o ex-comentarista criou um clima pesado no canal paulista:

“O Edílson disse no Podpah que eu sou de um jeito no programa e que fora eu sou outro. Não é verdade, eu sou a mesma coisa. Talvez você seja diferente, porque o ambiente que você fez nos Donos da Bola foi um ambiente difícil. O que você fez com o Fernandinho, Edílson, que é um dos maiores repórteres do mundo, foi um absurdo, ele é um gentleman. O que você fez com o Velloso, com o Canhão, foi muito feio”.

Edílson admitiu que as discussões aconteceram no programa, mas ressaltou que o climão ficou ali. “Ele disse que eu tive problemas de relacionamento, explicou que foi com o Canhão e que a gente discutiu. Mas é aquilo, o que aconteceu aqui, fica aqui”, declarou.

“Eu discuti com o Canhão e com o Fernandinho ali no ar e já foi. Eu sou amigo do Fernandinho e do Canhão. Sempre me dei bem com todo mundo na Band”, garantiu.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo Carvalho
Escrito por

Paulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e é especialista em Audiências da TV e TV aberta. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].